Mais de 200 mil pessoas caminham com a Virgem da Conceição no 99º Círio

publicidade

Estimativa do Corpo de Bombeiros tem como base as imagens registradas pelo helicóptero Guardião, número de pessoas por metro quadrado e a extensão das ruas por onde o Círio passou.
Mais de 200 mil fiéis participaram do Círio de Nossa Senhora da Conceição em 2017 (Foto: Sílvia Vieira/G1)

As ruas do trajeto do Círio de Nossa Senhora da Conceição, padroeira da diocese de Santarém, no oeste do Pará, ficaram tomadas de fiéis na manhã deste domingo (26), para agradecer e pedir bênçãos à mãe de Jesus. A estimativa do 4º Grupamento de Bombeiros Militar e da Polícia Militar é de que mais de 200 mil pessoas caminharam com Maria.

“Nós fizemos uma estimativa com base nas imagens capturadas pelo helicóptero, pela ocupação de pessoas por metro quadrado e também pela extensão das ruas por onde o Círio passou. Seguramente, mais de 200 mil pessoas participaram do Círio deste ano”, disse o comandante do 4º GBM, tenente coronel Luís Cláudio Rego.

Nos rostos dos devotos, a emoção transparecia a cada passo, a cada homenagem à Virgem da Conceição. O povo contrito nos trechos mais estreitos não reclamava do calor, da dor ou dos calos nos pés descalços. A vontade de cumprir o trajeto e a fé em Nossa Senhora foram maiores e animaram o povo na caminhada.

Muitas foram as homenagens prestadas à Nossa Senhora da Conceição ao longo dos seis quilômetros de Círio, mas em frente à Igreja de Fátima e do Sindicato dos Estivadores, os corações dos romeiros bateram mais forte com a vibração dos cordeiros.

E para quem participa das homenagens como Lourdes da Silva Evangelista, a oportunidade de estar mais uma vez participando do coral de Fátima é uma grande honra. “Esse é um momento emocionante na vida de qualquer católico. Aqui na igreja a gente se preparou durante duas semanas para esse momento especial de agradecer tudo o que Nossa Senhora da Conceição faz por nós. É uma honra servir a Deus. E cada vez esse amor e essa dedicação por Nossa Senhora só aumenta”, disse emocionada.

Lourdes Evangelista já participa das homenagens da Paróquia de Fátima no Círio de Nossa Senhora da Conceição há 15 anos.

Círio abençoado

Para o coordenador geral do Círio, Gilberto Dinelly, a união do povo se manifesta a cada Círio e esse ano não foi diferente, com um número maior de pessoas participando das peregrinações, da trasladação e da vigília. “Nós ficamos na Igreja de São Sebastião desde sábado (25) após a chegada da trasladação, em vigília, e esse momento de oração é muito forte. Nós ficamos três meses em peregrinação preparando os nossos fiéis para esse momento. O povo se mostrou consciente, caminhando, cantando e colaborando para que a gente pudesse chegar à Praça da Matriz animados pela fé em Jesus e sua mãe Maria. Esse foi mais um Círio abençoado”, declarou.

Para quem caminhou em agradecimento por graça alcançada, como Ana Cláudia que acompanhou toda a peregrinação na corda, o sentimento ao final do Círio continua sendo de gratidão. “Foi sofrido, mas foi gratificante e eu estou muito feliz por ter conseguido. Se precisasse caminhar mais, eu iria, porque a fé em Nossa Senhora e a gratidão pela minha vida e pela minha cura eu devo a Deus a intercessão da mãezinha”, disse em meio a lágrimas.

O Círio encerrou com a celebração da santa missa pelo bispo Dom Flávio Giovenale, no elevado da praça da Matriz, onde o povo entre palmas e braços erguidos cantou o hino da festa de Nossa da Conceição.

Blogdocarpê  com informações G1 Santarém.





Nenhum comentário