No aniversário de 9 anos, criança realiza o sonho de conhecer de perto o trabalho da PRF, em Santarém

publicidade

Visita inusitada foi realizada a pedido da madrinha de Leno Andrade, na manhã desta terça-feira (27).
Leno Andrade, de 9 anos, com a equipe da PRF e PF (Foto: Divulgação/PRF)
Polícia Rodoviária Federal (PRF) tem a função de fiscalizar ostensivamente as rodovias federais. Porém, na manhã desta terça-feira (27) em Santarém, oeste do Pará, o órgão assumiu um papel diferente: realizar o sonho de Leno Andrade, uma criança de 9 anos que sempre desejou conhecer os policiais rodoviários, andar na viatura e acompanhar o trabalho dos agentes da PRF de perto.

A ideia surgiu quando Leno, após demonstrar inexplicavelmente admiração pela PRF, pediu para sua madrinha que seu aniversário em 2018 fosse com a temática da Polícia Rodoviária Federal. O aniversário de Leno é dia 27 de fevereiro, mesmo dia em seu desejo foi realizado.
“O encanto dele não é pela polícia militar, polícia civil, ou qualquer outra. É surpreendentemente pela Polícia Rodoviária Federal. Desde sua infância ele comentava, observava o trabalho deles. Como neste ano não deu para a sua mãe fazer uma festa de aniversário, decidi marcar a visita e levar um bolo para cantar parabéns na própria sede da PRF”, relatou a madrinha de Leno, Marina Ricão.


A recepção dos agentes, segundo a madrinha, foi festiva. “Nos receberam maravilhosamente bem, deixaram o Leno passear no carro, levaram ele nas dependências da sede, ele olhava a tudo fascinado e até ganhou uma miniatura da viatura da PRF”, contou a madrinha.

Foi a primeira vez que a PRF de Santarém recebeu uma solicitação atípica, mas para o chefe de fiscalização da PRF, Sidmar de Oliveira, o pedido dos familiares do pequeno Leno foi atendido da mesma forma que são atendidas as solicitações de toda a comunidade, mas de um jeito mais aprazível.
“A gente cantou parabéns, junto com a madrinha, a avó e a mãe que estavam presentes. Fizemos questão de levá-lo para dar uma volta na viatura, que foi uma das coisas que ele ficou muito deslumbrado.”, disse Sidmar.
Agentes da Polícia Federal também estiveram presentes e Leno não se intimidou. Ele fez várias perguntas, tirando várias dúvidas, segundo o chefe de fiscalização. “Quase nenhum equipamento passou batido pelo pequenino. Ele perguntava mesmo, sobre o giroflex da viatura, sobre a sirene, sobre o rádio usado na comunicação, entre outras coisas. Foi uma experiência muito prazerosa em ver a alegria de uma criança com o nosso trabalho”, finalizou.

Blogdocarpê com informações G1 Santarém 


Nenhum comentário