Mais de 63 mil alunos da rede municipal de ensino retornam as aulas nesta quinta-feira em Santarém

As escolas da rede municipal de ensino voltam às aulas para o segundo semestre de 2019 nesta quinta-feira, 1º de agosto. Para o retorno, a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) programou algumas atividades em uma abertura oficial na Escola Municipal Maria de Lourdes Almeida, no bairro Nova República, às 8h. Na ocasião será socializada a agenda de compromissos, para o segundo semestre, com o tema: "Educa Santarém, juntos pelo direito de aprender".
Capacitação ofertada as merendeiras escolares para garantir maior qualidade ao alimento oferecido as crianças e adolescentes. Foto: Ascom/Semed.

Durante o período de recesso, a Semed promoveu capacitação a seus servidores que trabalham com o preparo da merenda escolar, ajustou planejamento, trabalhou a organização da Semana da Pátria 2019 e deu início a construção, revitalização e pintura de diversas escolas na cidade e no interior.

A secretária municipal de Educação, Mara Belo, informou que o cronograma de entrega da merenda escolar está sendo cumprido para garantir a alimentação dos alunos a partir do primeiro dia de aula. "Além disso, a Semed está trabalhando a mobilização das comunidades rurais, por meio de uma exposição sobre o Programa Nacional da Alimentação Escolar (PNAE), com a finalidade de qualificá-los para participarem da chamada pública comercializando os produtos da Agricultura Familiar, a fim de compor o cardápio da merenda escolar em 2020."
Visita a produção rural de Urucurituba para integrar agricultura familiar ao cardápio da merenda escolar. Foto: Ronaldo Ferreira.

A titular fez uma recomendação aos pais para auxiliarem os professores no processo de ensino-aprendizagem. "O material didático é um item muito importante ao desenvolvimento das atividades pedagógicas em sala de aula. A recomendação aos pais é que ajudem os professores diariamente para que o aluno não se esqueça dos livros e dos cadernos e nem de fazer as atividades programadas para casa. Neste segundo semestre será realizada a prova do IDEB e todo um trabalho será desenvolvido de maneira que todos participem. O ano letivo referente a 2019, encerrará em 30 de dezembro."
Semed orienta para que pais auxiliem professores no processo de ensino-aprendizagem. Foto: Ronaldo Ferreira.

Sobre as datas mais festivas e sociais da escola, Mara Belo destacou o Dia das Crianças, os jogos e outras iniciativas em que o lúdico esteja associado as atividades pedagógicas. Além disso, os pais precisam estar atentos quanto as datas da semana de avaliações dos bimestres, a fim de que os alunos se preparem melhor para as provas. Outra data que precisa da atenção dos pais, professores e alunos é o período de recuperação, nos últimos dias do mês de dezembro. "Os dias de recuperação estão incluídos aos 200 dias letivos, que requer uma atenção maior da gestão escolar com relação à organização dos professores, mas principalmente, dos alunos", ressaltou.

Para o assessor de assuntos educacionais da Semed, professor Marcos Gentil, é importante que os pais acompanhem a vida escolar de seus filhos e os motivem com relação à realização das atividades escolares.

Trabalho constante no período de férias

A Secretaria Municipal de Educação utilizou o período das férias escolares para promover treinamento de servidores, principalmente, aos manipuladores da Alimentação Escolar; a formação continuada dos técnicos, professores, pedagogos e gestores. Além disso, o prefeito Nélio Aguiar também autorizou a revitalização, reforma e ampliação, construção e pintura de diversas unidades escolares do ensino fundamental e da educação infantil na cidade e nas regiões de rios e de planalto.
Escola de Artes Emir Bemerguy já está em processo de ampliação e revitalização do prédio. Foto: Ronaldo Ferreira.

Na Escola de Artes Emir Bemerguy houve o início da construção de uma sala para dança urbana e revitalização geral do prédio; na Escola Ecila Nobre dos Santos a ampliação de duas salas de aula, uma sala multiuso, uma diretoria e uma secretaria; na Escola Delano Riker Teles de Menezes, a ampliação de duas salas de aula e revitalização do prédio; na Escola Aldo Ferreira Campos, a revitalização geral do prédio, a construção de quatro novas salas de aula e do mudo; na Escola Maria de Lourdes Almeida, a revitalização completa da pintura.

Nas instituições educacionais do interior houve pintura das escolas Nossa Senhora do Carmo, na comunidade de Membeca; Humberto Alencar Castelo Branco, na comunidade de Vila Socorro. A Escola São Sebastião, na comunidade Estrada Nova, receberá pintura e ampliação com duas salas de aula, com obra prevista para ser entregue em agosto e na Escola Cristo Rei, no planalto serão construídos cozinha, refeitório e área para merenda da escolar.

A Semed fez a aquisição de mais 10 mil carteiras novas e mais 12 mil kits para atender a alimentação escolar, que serão entregues às escolas na primeira semana do mês de agosto.

Outras obras embora autorizadas também estão em andamento como as construções de fossas e sumidouros nas Unidades de Educação Infantil Urumari, Ubaldo Corrêa e nas Escolas Boaventura Queiroz, na comunidade de São Braz e João Batista Miléo, em Santarém.
Reformas darão melhores condições de ensino aos alunos. Foto: Fabrício Galúcio.

Além disso, estão em andamento os procedimentos de licitação para reforma das Escolas Brigadeiro Haroldo Veloso, Rotary e Eloína Colares e Silva. A ampliação de seis salas de aula da Escola Sansão Bento Lourido, em Vila Curuai; Construção de mais duas salas de aula na Escola São Vicente de Paula, na comunidade de Paysandu e na escola Joaquim Cavalcante Maia, em Santarém, serão construídos cozinha, dois depósitos, refeitório e banheiros.

A secretária Mara Belo lembrou que todas as obras autorizadas durante o mês de julho de 2019, tem o prazo de seis meses para serem concluídas. A gestão organizou cada uma das situações, na cidade, rios e planalto, para que as atividades de reforma, construção e ampliação não interfiram no reinício das aulas, no dia primeiro de agosto.

Semed em números - 2019
Secretaria abrange unidades de ensino nas regiões da cidade, rios e planalto. Foto: Ronaldo Ferreira.

A Semed conta com 398 unidades escolares e de educação infantil, distribuídas nas regiões de Rios (223), planalto (86) e na cidade (89 escolas). Atualmente, estão regularmente matriculados 63.335 alunos, sendo 15.677 na região de rios, no planalto 10.656 e na cidade 37.002.

Quanto à educação infantil são 29 Unidades Municipais de Educação Infantil (Umeis) e sete Centros Municipais de Educação Infantil (Cemeis), totalizando 36 unidades no município, que atendem 2.938 crianças.

Sobre o quantitativo de servidores da Semed são 5.641, distribuídos em 3.031 professores e educador infantil; 236 pedagogos; 238 gestores (diretor/vice de escolas e coordenadores de Umei e Cemei); 523 vigias; 124 auxiliar de serviços gerais; 954 serventes; 322 auxiliar e agentes administrativos e 213 secretários escolares.
Contando com as regiões da cidade, rios e planaltos estão regularmente matriculados 63.335 alunos. Foto: Ronaldo Ferreira.

Nenhum comentário