Mulher e quatro homens são detidos suspeitos de desmatar área de proteção ambiental do Juá

publicidade

Após diversas denúncias, fiscais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) acompanhados por militares do grupamento ambiental flagraram desmatamento em uma Área de Proteção Ambiental (APA) do Juá, em Santarém, oeste do Pará. Uma mulher e quatro homens que estavam no local foram detidos.

De acordo com informações da Semma, os homens terão que prestar esclarecimentos sobre uma área que estava tendo supressão de vegetação nativa. A mulher que estava no local tentou apresentar alguns documentos de uma associação indígena, alegando que tinha ido ao local somente para entregar os papéis.

A área que estava sendo desmatada fica bem próximo ao lago do Juá. Os materiais utilizados para o desmatamento foram escondidos, mas a Semma ainda apreendeu uma draga e um facão (terçado).

"A área está sendo degradada, os suspeitos deram uma explicação que não convenceu e os documentos apresentados, não se sabe a origem. Foi encontrada queimada nas proximidades, que é um crime ambiental", disse o agente de fiscalização da Semma, Welton Santana.

As cinco pessoas flagradas pela fiscalização da Semma foram conduzidas à UIPP do Santarenzinho, onde serão ouvidas pelo delegado Alexandro Napoleão.

Fonte G1 Santarém 


Nenhum comentário