Header Ads




Ginásio e terminal hidroviário serão entregues ainda neste semestre

Nélio e Helder foram destacaram a importância das obras para Santarém

O prefeito Nélio Aguiar acompanhou o governador Helder Barbalho, neste domingo, 9, durante vistorias que ele realizou às obras do governo do estado em andamento no município. Na oportunidade, Helder garantiu que o ginásio poliesportivo e o terminal hidroviário da Prainha serão entregues ainda neste primeiro semestre de 2020.

As obras do terminal hidroviário estão em ritmo acelerado. O ginásio sofreu uma pequena mudança no projeto para reforço estrutural, mas deverá ser finalizado antes de junho.
Ginásio poliesportivo recebeu reforço estrutural"

A chegada desse terminal vai expandir não só as atividades econômicas e a circulação de mercadorias, mas também potencializar o turismo na região. Com este equipamento nós estaremos preparados para receber os turistas, com isso gerando mais emprego e mais renda para Santarém e para essa região", argumentou Helder Barbalho sobre o terminal hidroviário. "Resolvemos dar um reforço estrutural melhor e trabalhar com precaução, por isso o prazo precisou aumentar um pouco, mas até o mês de abril o ginásio será entregue a população", emendou o governador.

O prefeito Nélio Aguiar destacou a importância das obras para o desenvolvimento da cidade e agradeceu a atenção especial que o município tem recebido do atual governo do estado.
"São obras importantes em dois seguimentos: portuário e esporte e lazer. Elas têm reflexo em muitos outros setores. A população está ansiosa para recebê-los. A população dividiu o Pará em dois tempos, antes do governador Helder e depois dele. Depois que Helder assumiu o governo, Santarém passou a receber uma atenção especial, um olhar muito carinhoso do Governo do Estado. O governador não só se faz mais presente como também tem liberado uma quantidade de recursos que Santarém não vinha recebendo, e, com isso, quem ganha é a população", declarou Nélio Aguiar.
Terminal Hidroviário tem grande importância logística para região.

Nenhum comentário