Header Ads




Eventos culturais e expediente em instituições são suspensos para evitar aglomeração em Santarém

Para evitar a aglomeração de pessoas, eventos e expedientes em instituições de Santarém, no oeste do Pará, foram suspensos por tempo indeterminado. A medida foi adotada para resguardar a saúde da população e evitar propagação do novo coronavírus na região. Um caso suspeito está sendo monitorado e uma família está isolada por precaução.

Um evento que estava marcado para ser realizado nesta segunda-feira (15) pela Vara de Execuções Penais (VEP) no Fórum de Santarém foi cancelado, além das atividades a atendimentos do Projeto Nascer que também foram suspensas.

Seguindo o protocolo de prevenção, a clínica de Direitos Humanos da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) também suspendeu as atividades até 3 de abril, podendo ter alteração na data, conforme o cenário atual em relação a pandemia.

O Instituto de Ciências Sociais (ICS) da Ufopa divulgou no início da tarde de segunda-feira (16) uma série de decisões que devem ser tomadas imediatamente para evitar a aglomeração de pessoas.

As aulas do ICS estão suspensas até o dia 3 de abril e todas as atividades do instituto devem ser paralisadas por pelo menos 15 dias. A direção do instituto adotou como alternativa que os professores demandem trabalhos para serem realizados em casa, para que as atividades não sejam totalmente paralisadas.

Por falar em aulas, as crianças atendidas pelo projeto Sementes Musicais também terão atividades suspensas. A medida entra em vigor nesta segunda-feira (16) e segue por tempo indeterminado.

Por G1

Nenhum comentário