Header Ads




Ministério Público desautoriza servidores a participarem de eventos com aglomerações

O Ministério Público do Pará (MPPA) emitiu um comunicado na quinta-feira, 12, onde desautoriza servidores a participarem de eventos em que há aglomeração de pessoas a trabalho, “salvo os indispensáveis para realização da atividade-fim”, como uma medida preventiva à propagação do novo coronavírus, de acordo com recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A instituição suspende ainda a realização de eventos nas sedes do Ministério Público. As decisões atendem recomendações de portaria que sugere a todas as unidades do Ministério Público brasileiro, o "adiamento de eventos que possibilitem a aglomeração de membros, servidores, autoridades e convidados externos, ante a possibilidade de contaminação e propagação do coronavírus”.

Leia o comunicado na íntegra:

”Considerando os termos da PORTARIA CNMP-PRESI Nº 44, DE 12 MARÇO DE 2020, que estabeleceu a adoção de medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo Novo coronavírus (COVID-19), e da PORTARIA Nº 01/2020 CNPG, de 12 de março de 2020, que sugeriu a todas as unidades do Ministério Público brasileiro o adiamento de eventos que possibilitem a aglomeração de membros, servidores, autoridades e convidados externos, ante a possibilidade de contaminação e propagação do coronavírus (COVID-19), informo que está SUSPENSA, a partir desta data, a realização de eventos nas dependências do MPPA, bem como a designação ou autorização de membro ou servidor para participar de eventos em que haja aglomeração de pessoas, salvo os indispensáveis para realização da atividade-fim, em virtude da necessidade de conter a propagação de infecção e transmissão local e preservar a saúde de todos.”

Fonte Roma News 

Nenhum comentário