Header Ads




Pará vai multar em até R$ 50 mil quem desobedecer às medidas contra o novo coronavírus

Nesta segunda-feira, 6, o governador Helder Barbalho anunciou novas medidas para o enfrentamento à covid-19 no Pará. Em menos de 24 horas, foram confirmadas quatro mortes em Belém. Ao todo, já são cinco óbitos em todo o Estado.

De acordo com o último boletim da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), no Pará há 123 casos positivos, 1.088 casos descartados e 84 seguem em análise.

O Governo anunciou novo decreto, que valerá a partir de amanhã, 7, o qual proíbe a realização de eventos, reuniões, manifestações e passeatas, com audiência maior que dez pessoas. Antes 500, na última sexta-feira foi reduzido para 100.

Foi anunciada também a proibição de realização de cultos e eventos religiosos presenciais.

Bancos, casas lotéricas, supermercados, farmácias serão obrigados a distribuir máscaras, higienizar equipamentos e oferecer alternativas de higienização.

Todos os estabelecimentos que recebem o público externo serão obrigados a realizar marcação para filas com distância de até 1 metro entre um cliente e outro.

Semana Santa

Culturalmente, é intensa a saída da capital rumo ao interior do Estado no período da Semana Santa. Desta forma, o Governo decretou que praias, balneários, clubes e similares estão fechados neste feriado prolongado.

A saída intermunicipal será vetada, por via rodoviária e hidroviária. O trânsito está liberado apenas entre os municípios que integram a Região Metropolitana de Belém. São eles: Belém, Ananindeua, Benevides, Santa Bárbara e Marituba. Para o distrito de Mosqueiro, não está liberado o trânsito.

O transporte intermunicipal também será limitado no período. Alguns municípios já haviam feito barreiras sanitárias e o Governo reforça essa ação para evitar a transmissão do novo coronavírus.

Internet

Assim como os serviços de água e energia elétrica, o serviço de internet está com o corte suspenso por 60 dias.

Segurança

Os órgãos de segurança estão autorizados para proceder com medidas mais severas para conter o avanço do coronavírus. Haverá a advertência e orientação para que os estabelecimentos sigam as regras. Caso contrário, será multado com multa diária de até R$ 50 mil reais. Em caso de reincidência, o mesmo será interditado. Qualquer pessoa que descumprir o decreto será submetida aos procedimentos legais cabíveis na justiça. A intensão do Estado é não usar a força, mas será usada, se preciso for, para manter o bem da sociedade paraense.

O Estado adquiriu 15 mil remessas de cloroquina e azitromicina para ajudar no tratamento do coronavírus, por orientação da Anvisa e do Ministério da Saúde.

A medicação será distribuída para a rede pública e particular de saúde para atendimento dos pacientes em todo o Estado.

Tucuruí

Cinco UTIs serão enviadas para o município para atender os sete municípios que integram a região do Lago de Tucuruí.

Hospital de campanha

Abrem hoje as inscrições para profissionais que desejam trabalhar nos hospitais de campanha do Estado. Os interessados devem se inscrever no site: santacasapacaembu.org. São 437 vagas disponíveis.

Por Roma News 

Nenhum comentário