Header Ads




Prefeito Nélio Aguiar manda iniciar distribuição de alimentos da merenda escolar para mais de 60 mil estudantes

Nélio Aguiar: garantia de alimentos para estudante é forte aliada na luta contra a Covid-19

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), inicia nesta segunda-feira, 20, a distribuição de alimentos da merenda escolar para mais de 60 mil alunos da rede pública municipal de ensino. A entrega obedece à determinação do prefeito Nélio Aguiar e integra as medidas de combate ao avanço do novo coronavírus e seus impactos sociais no município. O objetivo é garantir alimento aos estudantes mesmo sem as aulas presenciais, haja vista que muitos dependem dessa alimentação diária.

"Nossas ações de prevenção e de combate ao avanço da Covid-19 atuam em várias frentes de trabalhos ao mesmo tempo, Educação é uma delas. Nossa preocupação é maior com as crianças em situação de vulnerabilidade socioeconômica em relação aos alimentos nesta pandemia. Muitas crianças dependem desse alimento para manter o seu adequado sustento nutricional diário. Essa distribuição é a garantia dessa alimentação na mesa de muitos estudantes", explicou o prefeito Nélio Aguiar.

A entrega será feita em forma de kits de alimentação escolar aos alunos regularmente matriculados nas escolas municipais em 2020. Ao todo, 61.502 estudantes serão beneficiados pela medida adotada pelo prefeito Nélio Aguiar. A entrega inicia para estudantes das escolas da região de rios nesta segunda-feira, 20, e se estende até o dia 24 de abril. Em seguida, estudantes das escolas da região do Planalto e das zonas urbanas. Todo trabalho deve ser concluído até dia 1º de maio.
Os kit são montados respeitando as determinações de segurança e higiene

Os kits foram montados de acordo com a quantidade de alunos matriculados. Caso uma família tenha três ou quatro filhos matriculados na mesma escola ou em escolas diferentes, os pais/responsáveis vão receber os kits correspondentes ao número de filhos matriculados regularmente. Também foi considerada a data de suspensão das aulas - 23 de março - garantindo que não haja prejuízo aos alunos. "O cálculo dos produtos que compõem os kits inclui também os finais de semana, o que representa ganho de produtos aos alunos", informou Mara Belo, titular da pasta da Semed.

Os kits foram montados sob a avaliação de nutricionistas da Semed, que orientam quanto ao consumo dos produtos no prazo de 30 dias conforme o planejamento do cardápio que é executado nas escolas. Sobre as dimensões nutricionais, o kit é composto de proteína congelada que será entregue de forma cuidadosa a fim de garantir a segurança alimentar e a qualidade dos produtos, proteína vegetal, carboidrato, temperos e produtos provenientes da agricultura familiar.

Para o prefeito Nélio Aguiar, a garantia de alimento aos alunos, também ajuda a fortalecer a política púbica preventiva de isolamento social, usada mundialmente como forte aliada no combate à Covid-19.

"Sabemos que não é fácil. Não existe uma fórmula pronta para enfrentar essa pandemia. A imprensa mostra diariamente a dificuldade que as maiores economias do mundo estão passando para vencer esse inimigo traiçoeiro. Estamos usando todas nossas energias, tomamos medidas preventivas de forma antecipada, que estão surtindo efeito, mas não é motivo para baixar a guarda. Peço a ajuda e a compreensão de todos para vencermos essa pandemia", finalizou prefeito Nélio Aguiar.

Todos os kits passaram pelo processo de higienização e os colaboradores envolvidos na organização e entrega utilizam Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), bem como álcool em gel. Os alimentos serão entregues de forma organizada, seguindo as orientações para evitar aglomerações.

Blogdocarpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário