Header Ads




Adolescente tenta matar famíliares envenenados em Santarém

Das cinco vítimas, quatro eram crianças.
Uma adolescente de 16 anos tentou envenenar cinco pessoas de uma mesma família na noite do último sábado, 9, na comunidade Curuai, em Santarém, no oeste Paraense. Das cinco vítimas dessa crueldade, quatro eram crianças entre 2 a 12 anos. A criminosa segue foragida.

Segundo o pai da adolescente, a jovem teria colocado o chumbinho no bolo e no suco das vítimas. Em seguida, os quatro começaram a ter mal estar, principalmente tontura e vômito.

No mesmo dia, o quadro clínico da família começou a gravar e os cinco foram encaminhados ao posto de saúde da comunidade. Ao chegar, O enfermeiro que fez o primeiro atendimento, constatou que a família havia sido vítima de envenenamento por chumbinho. Imediatamente ele entrou em contato com a central do Samu em Santarém e pediu resgate em caráter de urgência.

As vítimas foram transferidas para o centro da cidade na tarde deste domingo, 10. Segundo o enfermeiro, a situação dos pacientes era grave, devido eles estarem desidratados, por conta de vomitaram bastante.



A mãe e as crianças foram levadas para o Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo (HMS). À equipe do Samu, o pai das crianças informou que suspeita que a adolescente tenha colocado veneno em outros alimentos, como farinha consumida. A motivação não foi repassada.

Em nota, o Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo (HMS) informou que recebeu cinco pessoas de uma mesma família com sintomas de envenenamento. O médico plantonista avaliou às quatro crianças e a mãe. Os pacientes passaram por exame, estão recebendo medicação e estão em observação continua. As crianças estão na emergência pediátrica e a mãe na enfermaria. Todos estão com quadro clínico estável.

O setor de psicologia do HMS acionou o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdca) para acompanhar o caso.

Por G1 Santarém 

Nenhum comentário