Header Ads




Covid-19 atinge 142 presos no Pará mesmo com suspensão das visitas presenciais

Mesmo com o decreto estadual 722, que mantém a suspensão das visitas presenciais nos presídios paraenses, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP) informou que foram registrados 142 casos confirmados infectados com Covid-19. Nenhum preso morreu pela doença.

As casas penais receberam, por meio dos Recursos Federais do Fundo Penitenciário Nacional (FUNPEN), medicamentos como Hidroxicloroquina, Cloroquina e Azitromicina para ajudar no tratamento dos internos acometidos da Covid-19.

Em todos os contextos, a prescrição caberá ao profissional médico, em decisão compartilhada com o interno/paciente, após uma detalhada explicação de que não existe, até o momento, comprovação de qualquer benefício ao tratamento para o novo coronavírus, além de esclarecer os efeitos colaterais possíveis.

A SEAP informa que, com a suspensão das visitas presenciais, foram criadas alternativas para o contato familiar, com a utilização cartas virtuais, enviadas pelos familiares e vídeo-visitas realizadas em cabines específicas para o contato por meio de câmeras.

O Pará contabilizou até a noite desta segunda-feira, 25, 27.366 casos e 2.431 óbitos por covid-19. Os dados da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) que confirmou mais 1289 pacientes infectados e 56 mortes pela doença.

Dentre os dados atualizados, 76 casos e 48 mortes foram confirmados nas últimas horas; demais dados são referentes à subnotificação das prefeituras.

Por Roma News 

Nenhum comentário