Header Ads




Frutas comercializadas nos supermercados do Pará estão mais caras, afirma Dieese

O Dieese/PA divulgou nesta terça-feira, 5, uma pesquisa que revelou o preço das frutas nos últimos 12 meses nas feiras e supermercados do Pará. Segundo o Dieese, os paraenses estão pagando mais caro para terem frutas em suas mesas.

Os preços do mês de abril mostram que, frutas como, melão amarelo e laranja pera sofreram os maiores reajustes: 4,49% e 3,96%, respectivamente. Em contrapartida, a goiaba vermelha sofreu uma queda de 4,45%, seguida pelo abacate, que teve um recuo de 4,37%.

De acordo com a pesquisa, no primeiro trimestre de 2020, a laranja foi a fruta que teve a maior inflação: 13,78%. Enquanto, o abacate, novamente, teve o seu preço reduzido em cerca de 36,98%.

Levando em consideração o preço comercializado nos últimos 12 meses, a fruta que teve a maior alta, foi o limão: 38,46%. Muito utilizado na produção de sucos e vitaminas, o maracujá foi a fruta que ficou mais barata durante o último ano: 20,88%.

Apesar da pandemia do novo coronavírus, o Dieese estima que os preços devem manter um equilíbrio nos próximos meses.

Fonte Roma News 

Nenhum comentário