Header Ads




Governo Federal envia 120 respiradores para tratar pacientes com covid-19 no Pará

O Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, enviou ao Pará 120 respiradores para ajudar no tratamento de pacientes com covid-19. Os equipamentos chegaram na sexta-feira, 22, e somados aos outros enviados no decorrer do mês de maio, serão 520 leitos de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) exclusivas para em estado grave.

Oito municípios do Estado vão ter reforço no atendimento de pacientes graves. Os equipamentos serão distribuídos da seguinte forma: 27 para Capanema, 19 para Marabá, 5 para Tucuruí, 11 para Abaetetuba, 2 para Altamira, 18 para Santarém e 4 para Breves. Os 44 restantes ficarão em Belém.

Hospital dos Caetés

No Hospital Regional dos Caetés, em Capanena, no Nordeste do Estado, os respiradores já foram testados e instalados. Com os novos aparelhos, a unidade passa a dispor de 68 leitos exclusivos para o tratamento de pacientes com síndrome respiratória grave, sendo 31 clínicos e 37 de UTI.

Caso dos respiradores

A empresa SKN do Brasil que vendeu respiradores com defeito para o Governo do Pará depositou mais R$3 milhões na conta do Estado. O prazo para pagamento do acordo judicial encerrará dia 28.

Em despacho, o juiz titular da 5ª Vara da Fazenda Pública de Belém, Raimundo Santana determinou, ainda, o retorno dos autos para análise sobre embargos de declaração após o devido crédito em conta. Os embargos dão conta de medidas, como constrição patrimonial e restrição de direitos, determinadas na liminar com relação aos ex-sócios da empresa Antônio da Silva Alves, Eugenio Nabuco dos Santos Filho e Alex Nabuco Dos Santos.

Por Roma News 

Nenhum comentário