Header Ads




Pará tem o menor número de enfermeiros por 100 mil habitantes do Brasil

Com relação aos médicos, o estado aparece em penúltimo lugar no ranking, atrás apenas do Maranhão
Um relatório divulgado nesta terça-feira, 12, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que o Pará é o estado com o menor número de enfermeiros do país. Segundo o IBGE, no estado, existem apenas 76 profissionais por 100 mil habitantes. Em um cenário de pandemia, como a de covid-19, isso agrava e muito o enfrentamento da doença.

Pará tem 20 médicos mortos e quase 200 profissionais de enfermagem afastados por covid-19

Para se ter uma ideia, Alagoas, que aparece em penúltimo lugar no ranking, conta com 25 profissionais a mais que o Pará para cada 100 mil habitantes, lá são 101. Marabá, no sudeste paraense, também lidera o ranking negativo. De acordo com o levantamento, a cidade tem o menor índice de enfermeiros entre as cidades brasileiras com mais de 200 mil habitantes, com 65 profissionais para cada 100 mil pessoas. Na capital, Belém, esse número é apenas um pouco maior, 84 enfermeiros para cada 100 mil habitantes.
A situação do estado também é ruim com relação ao número de médicos. Nesse levantamento o Pará ficou em penúltimo lugar, a frente apenas do Maranhão. De acordo com o IBGE, no Pará são 85 médicos para cada 100 mil habitantes. Já no maranhão, são 81.
A pesquisa do IBGE levantou também a distribuição de leitos de UTI em diversas partes do país. Os dados são de 2019 e foram gerados em conjunto com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) com o intuito de contribuir com as medidas de combate ao novo coronavírus.

Por Roma News 

Nenhum comentário