Header Ads




Santarém confirma 51 mortes e 776 pacientes com Covid-19 e estado tem 24.465 casos e 2.216 óbitos

A Prefeitura de Santarém, em nova atualização do boletim da Covid-19, neste sábado, 23, informa que há 776 casos confirmados no município. Existem 186 pessoas recuperadas, 51 óbitos, 517 resultados negativos, 88 análises, 3.597 notificados/monitorados, e 3.016 monitorados já recuperados.

Com profundo pesar, a Prefeitura informa mais 21 óbitos ocorridos no município em decorrência da covid-19. Nesta atualização dos óbitos de hoje, informada pela Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), constam os resultados dos exames feitos em pacientes que tiveram coletas realizadas no momento do óbito em datas anteriores. As vítimas são seis mulheres e quinze homens que falecerem nos dias 13/05(um), 14/05(três), 15/05(um), 16/05(seis), 18/05 (três), 19/05 (três), 20/05(um) e 21/05 (três). Os novos casos confirmados hoje são quinze homens de 80, 82, 90, 43, 64, 66, 42, 97, 75, 84, 84, 65, 59, 45, e 60 anos de idade; e mulheres 21, 80, 76, 79, 70, 74, e 57, 46, 26, 36, 40 (TR) anos de idade.

A Prefeitura informa ainda que dos 776 casos confirmados de covid-19, 51 são óbitos; 186 estão recuperados; 08 estão na clínica do HRBA e 23 na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do mesmo hospital; e dois no Hospital de Campanha. Outros 506 pacientes estão em isolamento domiciliar. Dos 88 pacientes das análises (suspeitos) em espera, 06 estão na UTI e 06 na clínica do HRBA; 45 no Hospital de Campanha, e 21 em isolamento domiciliar e dez em outros hospitais.

 Nova atualização ocorreu 20h30min de 23.05.2020.

A Prefeitura reforça que o isolamento social, as medidas de higiene e de etiqueta social são fundamentais no combate ao novo coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) passou a ter acesso ao sistema de confirmação e monitoramento de dados e informa que divulgará seus boletins diários após a divulgação da Sespa. Devido a Sespa ser responsável pela divulgação de 144 municípios, pode haver uma espera na equiparação dos números, mas eles são retirados do mesmo sistema ao qual o Ministério da Saúde também possui acesso.


Blogdocarpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário