Header Ads




Cooperativa promove ação de enfrentamento e prevenção em áreas rurais de Juruti

Serão entregues cerca de 300 kits de higiene pessoal a famílias em situação de vulnerabilidade social
Crédito: Divulgação/Cooafajur

A fim de minimizar os impactos da pandemia de covid-19 na região do Baixo Amazonas, a comunidade da Galileia, localizada na região do lago do Juruti Velho, foi a primeira beneficiada pela campanha da Cooperativa de Trabalho da Agricultura Familiar de Juruti (Cooafajur) que vai entregar cerca de 300 kits de higiene pessoal a famílias em situação de vulnerabilidade social.

A própria cooperativa fez um mapeamento das zonas mais afetadas pelo coronavírus na região, que receberão kit com álcool em gel 500 ml, três unidades de máscaras de tecido e uma cartilha contendo informações de prevenção e cuidados contra o coronavírus.

Segundo o presidente da Cooafajur, Ivan Pimentel, a falta de informação é um dos fatores que contribuem para a disseminação do coronavírus na região.

“Partimos do princípio de que a informação e a prevenção são algumas das principais armas para combater o vírus. Como a gente trabalha diretamente com os produtores, percebemos que a chegada da informação nessas zonas é muito deficiente. Muitos, por exemplo, não entendem a importância do uso das máscaras e do álcool em gel. Precisamos mudar essa realidade”, diz ele.

Os informativos orientam sobre a forma correta de higienização de mãos e uso de máscaras. Foram construídos com o apoio do Instituto Juruti Responsável (Ijus) e da empresa de alumínio Alcoa. Para a confecção das máscaras, a Cooafajur conta com a parceria do grupo “Mulheres Prósperas", que comercializa as máscaras a preço de custo.
“A informação é fundamental e pretendemos ampliar a ação, mas para isso precisamos de mais parcerias. Quem puder ajudar, colabore”, apela Ivan.

A cooperativa

A Cooafajur foi fundada em 2013 e tem 43 cooperados que atuam com a agricultura familiar e produção de muda para comercialização.

Nenhum comentário