Header Ads


Parceria com Barco-Hospital Papa Francisco leva serviços da Policlínica Itinerante à Calha Norte

Pessoas com sintomas da Covid-19 nos cinco municípios da região terão acesso a consultas e medicamentos, no padrão oferecido pelo Governo do Estado
O governador Helder Barbalho (d) durante a partida do Barco-Hospital Papa Francisco

Uma parceria do Governo do Pará, por meio da Policlínica Itinerante, com o Barco-Hospital Papa Francisco, permitirá atendimentos a pessoas com sintomas da Covid-19 nos cinco municípios da região conhecida como Calha Norte, no oeste paraense. A embarcação partiu na tarde desta segunda-feira (22) de Santarém em direção a Almeirim, onde oferecerá serviços de saúde na terça-feira (23), seguindo para Prainha, na quarta-feira (24); Monte Alegre, na quinta-feira (25); Alenquer, na sexta-feira (26), e Curuá, no sábado (27). Cumprindo agenda de trabalho em Santarém, o governador Helder Barbalho foi conferir os serviços da Policlínica Itinerante no município.
Helder Barbalho em um dos espaços equipados do Barco-Hospital

“É um momento de união, momento de todos trabalharmos juntos buscando a consciência de cada um, fazendo sua proteção. Enfim, todos no combate ao novo coronavírus”, enfatizou Helder Barbalho.

A estrutura do Barco-Hospital inclui consultórios médicos, inclusive para cirurgias. A população será atendida com as ações no modelo da Policlínica, com diagnóstico precoce e protocolos médicos para pacientes com sintomas da Covid-19. A equipe é composta por 16 profissionais, entre médicos, enfermeiros e gentes administrativos. Além disso, a embarcação vai contar com ajuda de um helicóptero, caso seja necessário transportar pacientes.
Membros da ONG “Saúde e Alegria” mostraram a Helder Barbalho as máscaras de mergulho adaptadas, doadas ao Barco-Hospital

"Coisa extraordinária" - O arcebispo metropolitano de Santarém, Dom Irineu Roman, acompanhou a partida da embarcação e destacou a importância das ações desenvolvidas pelo Governo do Estado no combate à pandemia de Covid-19. “O Barco-Hospital faz um trabalho diferente de qualquer tipo de instituição de saúde, porque não é a pessoa que vai ao barco. Geralmente, é o barco que vai às pessoas, que vai aos doentes, que vai ao encontro das necessidades da saúde. Então, nós queremos parabenizar todos que proporcionaram este barco-hospital, todos aqueles que colaboram, o Governo do Estado, as prefeituras, os médicos, que também são voluntários. Pra mim, isso é uma coisa extraordinária. Eu fico realmente sem saber o que dizer, sem palavras, diante de algo tão importante”, disse Dom Irineu Roman.

Na ocasião, a ONG “Saúde e Alegria”, sediada em Santarém, doou para o Barco-Hospital 30 máscaras de mergulho adaptadas, que servem como respiradores para pacientes com sintomas da Covid-19.
O governador Helder Barbalho, Dom Irineu Roman e outras autoridades e religiosos acompanharam a partida da embarcação

Ágencia Pará

Nenhum comentário