Header Ads


PF cumpre mandados de busca e apreensão em dois municípios paraenses

Crédito: Divulgação/PF

Na manhã desta terça-feira, 9, a Polícia Federal deflagrou a operação que investiga a venda de vídeos contendo pornografia infantil pela internet. A operação contou com o apoio do Grupo Especial de Polícia Marítima (GEPOM) da PF de Santarém, oeste do Pará.

Os mandatos de busca e apreensão foram expedidos pela 1ª Vara da Justiça Federal de Santarém. A investigação é fruto da denúncia de uma empresa do ramo eletrônico que é dona de uma plataforma de compra e venda pela internet.

Na operação, foram apreendidos um notebook, dois HDs externos e 28 leitores de CD e DVD, que eram usados para gravar os vídeos. Os materiais foram encaminhados para a unidade de Perícias da PF.

Segundo as investigações da Delegacia de Polícia Federal em Santarém, uma única pessoa havia criado seis perfis com nomes e CPFs diferentes na plataforma para comercializar os vídeos. Ainda segundo o registro, esta pessoa tem residência fixa em Terra Santa, no interior do estado, e uma outra moradia temporária na cidade de Porto Trombetas, em Oriximiná, interior do estado.

Nenhum comentário