Header Ads




Presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas diz que aguarda parecer para abrir processo de impeachment contra governador

Crédito: Reprodução

O processo de impeachment do governador Wilson Lima (PSC) e do vice Carlos Almeida (PTB) pode ser retomado na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam). O anúncio foi feito pelo presidente da casa, deputado Josué Neto (PRTB), na sessão plenária virtual desta quinta-feira, 2. O parlamentar afirmou que aguarda parecer da Procuradoria da casa legislativa para dar andamento ou não ao processo por crime de responsabilidade. 

O processo de impeachment foi suspenso após decisão do vice-presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargador Wellington José de Araújo, no dia 13 de maio. A decisão foi em resposta a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) solicitada pelo deputado Dr. Gomes (PSC).

“Nós vamos dar continuidade no trabalho que estava sendo feito e que foi suspenso por algumas questões políticas. Mas a Justiça do Amazonas já fez o seu encaminhamento. Esta casa em nenhum momento ficará omissa em um trabalho que já teve início e que não ficará em nenhum momento paralisado. Não nos furtaremos em nossas obrigações”, declarou Josué.

Segundo o parlamentar, foi solicitado “à Procuradoria da Assembleia Legislativa que estude a última decisão da Justiça no que se refere ao pedido do impeachment, que já estava aberto há cerca de 30 dias. Pedimos que, a partir da decisão da Justiça, que a Procuradoria possa tomar todas as providências possíveis”, informou.

Na reunião plenária da próxima terça-feira, 7, o presidente prometeu oficializar a decisão da Procuradoria no sentido de dar ou não andamento ao pedido do impeachment.

Fonte: Toda Hora

Nenhum comentário