Header Ads




Comunidades de Alter do Chão apresentam proposta alternativa para realização do Çairé

Crédito: Agência Pará

Representantes de diversas associações comunitárias e empresariais de Alter do Chão, distrito de Santarém, no Oeste do Pará, estiveram reunidos na noite de terça-feira, 11, para apresentar uma proposta alternativa para realização de parte do rito religioso do Çairé. As celebrações religiosas, pela proposta, seriam reduzidas, excluindo os ritos de busca, procissão, levantamento e derrubada dos mastros, que não seriam realizados. Por causa da pandemia, o Cairé 2020 foi cancelado pela prefeitura de Santarém.

A proposta foi apresentada ao secretário municipal de Cultura, Luiz Alberto Pixica, que vai encaminhá-la para aprovação do prefeito Nélio Aguiar. No dia 1° de setembro, lideranças de Alter do Chão farão uma transmissão pela Internet e uma rádio local, promovendo uma roda de conversa sobre o rito religioso do Çairé, uma tradição com mais de 350 anos.

Segundo Pixica, a representação dos ritos religiosos estaria concentrada no Lago dos Botos, no período de 17 a 18 de setembro, com controle de acesso do público. Um pequeno barracão de madeira coberto de palha seria erguido para servir de local para realização de ladainhas. Haveria também a fixação prévia dos mastros dos homens e das mulheres, e o funcionamento de barracas para exposição e venda de produtos artesanais.

Pela proposta apresentada pela comunidade de Alter do Chão, só teria acesso ao Lago dos Botos quem estiver usando máscara facial, passar pelo controle de medição de temperatura e fazer uso de álcool em gel para higienização das mãos.

A proposta também inclui o apoio do Corpo de Bombeiros e a Vigilância Sanitária para a definição da capacidade de público, distanciamento entre pessoas e demarcação de lugares para evitar aglomeração no interior do Lago dos Botos.

Fonte: O EstadoNet/ Roma News 

Nenhum comentário