Header Ads




Federação Paraense de Futebol confirma lista com 18 clubes para a disputa da Segundinha

No início desta semana, a Federação Paraense de Futebol (FPF) divulgou em seu site oficial uma lista com 18 clubes que confirmaram presença na disputa da Segundinha do Parazão 2020, competição que garante duas vagas na elite do Campeonato Paraense da temporada de 2021. Nos próximos dias, a FPF deverá sentar com os representantes das equipes para a reunião que define regulamento, tabela e datas do estadual.

“Estaremos na próxima semana reunindo com os clubes, e a partir daí nós vamos está traçando também, o planejamento para que nós possamos está fazendo a segunda divisão. Vamos ver se distribuímos em sedes, ou se podemos está fazendo os jogos em várias localidades, isso tudo vai depender daquilo que nós teremos também, em relação as noticias do governo, as informações em relação a pandemia”, disse Paulo Romano, vice-presidente da FPF.

Os 18 clubes que confirmaram presença na Segundinha do Parazão foram: Atlético Paraense, Caeté, Cametá, Gavião Kyikatejê, Izabelense, Paraense, Parauapebas, Pinheirense, Santa Rosa, São Francisco, São Raimundo, Sport Belém, Sport Real, Tiradentes, Tuna Luso Brasileira, União Paraense, Vênus e Vila Rica. A diretoria do Parauapebas vai aguardar alguns detalhes para definir o que será feito de planejamento para a participação do Gigante de Aço na disputa.

“A gente ainda não definiu nada sobre o planejamento do PFC, vamos aguardar algumas situações. O presidente João Luiz está chegando de Goiânia essa semana e ele até agora não sentou comigo, só pediu para fazer o ofício e enviar para a FPF para confirmar a participação do Parauapebas na Segundinha do Parazão, e de fato ainda não sabemos o que faremos, mas em um futuro próximo teremos informações mais concretas”, afirmou Pedro Neto, vice-presidente do Parauapebas Futebol Clube.

Em relação ao Clube Atlético Paraense, a equipe vai para a sua terceira temporada sonhando com o acesso para a elite do Parazão. Até agora, a nova equipe da cidade de Parauapebas disputou duas competições, mas não conseguiu seu objetivo. A pandemia atrapalhou os planos do CAP, que assim como em outras temporadas, teria iniciado sua preparação para a Segundinha ainda no primeiro semestre. O clube vai aguardar uma posição da FPF.

“Na verdade, a gente confirmou a participação e ainda aguarda um posicionamento da Federação Paraense de Futebol do início da competição, e aí sim poderíamos programar qualquer atividade. Diante desse momento complicado a gente não consegue fazer isso. Mas o Clube Atlético vem trabalhando todo esse tempo, normalmente, programando e trabalhando com toda a sua estrutura para que a gente possa mais um ano participar e alcançar o objetivo que é subir a primeira divisão”, declarou Rafael Lopes, presidente do Clube Atlético Paraense.

Por Fábio Relvas

Nenhum comentário