Header Ads




Jornada e salário reduzidos atingem mais de 9,7 milhões de trabalhadores na pandemia


Crédito: Agência Brasil 

Entre abril e julho deste ano, meses de pico da crise ocasionada pela Covid-19, foram apresentadas 333.893 ações trabalhistas

Segundo dados da Secretaria de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, um total de 9,755 milhões de trabalhadores tiveram suspensão de contrato de trabalho e redução de jornada e salário.

Mais de 18,624 milhões de empregos foram preservados (ou acordos celebrados), segundo a pasta. No total, 1,454 milhão de empregadores aderiram ao programa, criado para mitigar os efeitos da pandemia de Covid-19.

O governo prorrogou até 31 de dezembro a lei que permite a suspensão de contratos e redução de jornada e salário (Medida Provisória 936/2020), que institui o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm).


Fonte: Portal Metrópoles

Nenhum comentário