Header Ads




Seis serrarias clandestinas são destruídas na 4ª fase da operação Amazônia Viva

Crédito Polícia Civil 

A 4ª fase da Operação Amazônia Viva, encerrou nesta segunda-feira, 5, com o saldo de seis serrarias clandestinas desarticuladas, nos municípios de Uruará e Santarém, no oeste do Pará. 

De acordo com o delegado titular da delegacia Especializada de Conflitos Agrários (Deca), Fábio Amaral, equipamentos e madeiras foram destruídos, assim como acampamentos ilegais, que eram usados por trabalhadores que atuam no corte de madeira de lei sem autorização de órgãos ambientais.

Operação em números:

6 Serrarias clandestinas desmanteladas;
3 acampamentos ilegais destruídos;
5 Induspam’s inutilizadas;
46,5956m³ madeira serrada de diversas espécies;
37,7501m³ de madeira em tora da espécie castanheira;
2,3773m³ de madeira em tora de espécie diversa;
6 motosserras apreendidas;
1 Arma de fogo calibre 20 apreendida;
10 pessoas conduzidas para a Delegacia para procedimento criminal;
1 pessoa presa em flagrante.

Foram lavrados dois termos circunstanciados de ocorrências e dois autos de infração, e abertos dois inquéritos para apurar responsabilidades de suspeitos de desmatamentos e queimadas na área fiscalizada.

Participaram da operação equipes da Deca, 1ª Companhia Independente de Policiamento Ambiental (1ª CipAmb), Centro de Perícia Renato Chaves, Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas).

Fonte Roma News 

Nenhum comentário