Header Ads




TSE desmente boato sobre anulação do 1º turno das eleições


O TSE explicou ainda que a urna não tem conexão à internet ou via bluetooth, o que já elimina possibilidade de ataque por hackers.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) informou nesta sexta-feira (20) que são falsas mensagens que circulam em redes sociais e afirmam que as eleições do primeiro turno, em 15 de novembro, foram anuladas em algumas cidades por suspeita de fraude na urna eletrônica.

“Nunca houve, desde o início do uso das urnas eletrônicas, em 1996, constatação de fraude em resultados com a utilização do equipamento”, disse o TSE em nota.

O TSE explicou ainda que a urna não tem conexão à internet ou via bluetooth, o que já elimina possibilidade de ataque por hackers.

“A urna possui mais de 30 camadas de segurança encadeadas para dificultar a fraude. Há lacres de segurança que mostram qualquer tentativa de violação”, de acordo com a corte.

Com informações da assessoria.

Foto: Divulgação

Compartilhar:

Nenhum comentário