Header Ads




PF vai investigar brasileiros que não devolveram auxílio pago indevidamente

Quatro pessoas foram presas nesta quinta, 10, por supostas fraudes no benefício do governo
Crédito: © Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) informou nesta quinta-feira, 10, que brasileiros que receberam o auxílio emergencial indevidamente e não devolveram o dinheiro serão investigados.

Quatro pessoas acusadas de fraudar o benefício foram presas hoje na operação Segunda Parcela. No total, foram cumpridos, nesta manhã, 42 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão.

Três criminosos seguem foragidos no Rio de Janeiro. Os policiais anteciparam que várias outras operações serão deflagradas nas próximas semanas.

O Ministério da Cidadania criou um site para devoluções do auxílio emergencial caso os beneficiários acreditem ter recebido o dinheiro fora dos critérios. É preciso informar o CPF. Será emitida uma Guia de Recolhimento da União (GRU), que funciona como um boleto.

Fonte: Metropoles

Nenhum comentário