Header Ads




Por unanimidade, TRE decide a favor do MDB de Juruti, no Pará

Sentença que excluía partido da eleição foi anulada, por 7 x 0
Dona Lucídia e seu vice Fladimir venceram nas urnas a eleição para Prefeitura de Juruti

O plenário do TRE-PA (Tribunal Regional Eleitoral do Pará), em audiência na tarde desta quarta-feira (2), por unanimidade (7 x 0) anulou a sentença de 1ª instância que excluiu o MDB da eleição em Juruti, no oeste do estado do Pará.

O relator do recurso, Álvaro Norat, deu no voto decisivo para o novo desfecho do caso.

O MDB concorreu a eleição na condição de sub judice. A legenda foi quem venceu a disputa para prefeito, com Dona Lucídia, que teve 48,65% (13.463) dos votos válidos, contra 34,34% (9.520 votos), do 2º colocado, o atual prefeito e candidato à reeleição Henrique Costa (PT).

SAIBA MAIS: O juiz Vilmar Durval Macêdo Júnior, da Justiça Eleitoral em Juruti (PA), manteve a sentença que excluiu o MDB da eleição deste ano no município – tanto na disputa majoritária (prefeito e vice) como na proporcional (vereador). A decisão foi proferida no dia 18 de novembro, quando o magistrado rejeitou 2 recursos (embargos de declaração) contra a sentença, protocolados por Fladimir Andrade (PSD), candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo MDB, e pela coligação União e Fé para Construir o Futuro (Republicanos / MDB / PL / PSL / PSDB e PSD).

O caso subiu ao TRE-PA (Tribunal Regional Eleitoral do Pará), que, por unanimidade, decidiu pela legalidade da chapa de Lucídia e Fladimir Andrade.

Fonte Portal Santarém 

Nenhum comentário