Header Ads




Prefeito Nélio Aguiar, Comdca e Rotary Clube visitam futuras instalações do Banco de Leite Humano


Crédito: Agência Santarém 

O prefeito Nélio Aguiar acompanhado da sua comitiva de governo, o Comdca e o Rotary Clube visitaram na manhã desta quinta-feira (17) as futuras instalações do Banco de Leite Humano no Hospital Materno Infantil (HMI) que está em obras.

A visita técnica vistoriou como está o andamento das obras, principalmente no espaço que servirá de coleta e demais processos do banco de leite.

Estiveram na visita o Prefeito Nélio Aguiar, o vice- prefeito José Maria Tapajós, o vereador Júnior Tapajós, a Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito, o Secretário de Infraestrutura Daniel Simões, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdca) Roselene Andrade, presidente do Rotary Clube Irene Escher, a Rotariana médica pediatra Aurea Lúcia Dias, representando a Secretaria de Saúde a enfermeira Irlaine Figueira.
Crédito: Agência Santarém 

O Prefeito Nélio Aguiar afirmou que o HMI será um hospital de referência na região. Será um hospital para a mulher santarena e do oeste do Pará e para os bebês. “Hoje, estamos aqui para acompanhar o avanço das obras e futuras instalações do banco de leite. O município não tem o banco de leite, o que é uma política pública muito importante, porque têm mães que não conseguem amamentar e os bebês precisam de leite materno. Então vamos receber as doadoras, vamos processar esse leite e distribuir para outras crianças”, destacou o gestor municipal.

A presidente do Comdca Roselene Andrade destacou que é extremamente importante o processo de garantia dos direitos fundamentais de crianças e adolescentes, visto que a alimentação é determinante para esse desenvolvimento integral que está garantido no artigo 227 da constituição e no artigo 4º do Estatuto da Crianças e do adolescente (ECA). “O município avançou consideravelmente com relação a instalação da sala de vacina e o registro de nascimento, e agora a gestão completa essa política de desenvolvimento integral na primeira infância com a estruturação e o funcionamento do banco de leite dentro do HMI”, pontuou a presidente do Comdca.
Crédito: Agência Santarém 

"O processo da condução do Selo Unicef foi referenciado na Secretaria de Assistência Social que de maneira intersetorial perpassou por diversas ações entre elas, a retomada do banco de leite que é conduzida pela pasta da saúde”, destacou a secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito.

Acompanhada da presidente do Rotary Clube Irene Escher, a Rotariana médica pediatra Aurea Lúcia Dias, incentivadora do projeto esclareceu que dentro da linha de financiamento o Rotary tem o objetivo de fortalecer a questão da alimentação infantil que financiam os bancos de leite no mundo todo. “Nós estamos executando umas das ações do Rotary Nacional. Esse projeto existe desde 2015 e está inserido dentro de um projeto de nutrição saudável da Organização Mundial da Saúde, que é o objetivo 3 - Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Santarém já é destaque a nível mundial com o Selo Unicef e então nós estamos tentando seguir todos os indicadores a nível de saúde”.

As obras do HMI foram retomadas em 2019, após articulação política do prefeito Nélio Aguiar junto ao governador do Estado, Helder Barbalho, para qual foram disponibilizados R$ 25 milhões. “Mesmo com a pandemia de Covid-19, o governo municipal e do Estado uniram esforços para cumprir os compromissos assumidos com a população. O HMI vai contar com 121 leitos e quando for entregue à população, serão realizados inúmeros atendimentos, diminuindo assim o agravamento dos casos e a mortalidade materna-infantil na região”, finalizou Nélio Aguiar.

Com mais de 64,74% de obra executada, o titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra), Daniel Simões explicou a importância do HMI e sobre os serviços que estão sendo executados.
Crédito: Agência Santarém 

“É uma obra de grande relevância para Santarém e região. Com a sua entrega serão realizados mais de 600 partos por mês, atendendo Santarém e mais 19 municípios. Hoje a empresa responsável pela obra está com trabalhos na área externa como construção da passarela de entrada e assentamento de blockret, executando as instalações elétricas, telecomunicação, hidrossanitária, de ar condicionando, drenagem pluvial assim como a execução de obras civis, como assentamento de revestimento cerâmico, confecção de peças de estruturais, colocação de esquadrias e pinturas”, pontuou Daniel.

Fonte Agência Santarém 

Nenhum comentário