Header Ads




Prefeitura paga segunda parcela do 13º e injeta R$ 21,6 milhões na economia de Santarém



“A gestão responsável e a eficiência financeira e fiscal que implementamos no município de Santarém garantem a aplicação de políticas públicas e a valorização do servidor. Prova disso é que já pagamos nesta sexta-feira, 11, a segunda parcela do décimo terceiro dos profissionais da Educação que recebem pelo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação)”. A afirmação é do prefeito Nélio Aguiar que informou ainda que nesta terça-feira, 15, a Prefeitura de Santarém realiza o pagamento da segunda parcela do 13° dos servidores que recebem pelas demais Secretarias municipais e de outras fontes de recursos.

Com a efetivação e a totalização do pagamento da folha do 13°, a economia do município de Santarém receberá uma injeção de R$ 21.662.234, 15 (vinte e um milhões, seiscentos e sessenta e dois mil, duzentos e trinta e quatro reais e quinze centavos).

“Só com o Fundeb pago nesta sexta-feira, 11, a economia do município recebeu R$ 13,9 milhões. Dessa forma, a eficiência de nossa gestão ajuda a economia da cidade a se recuperar dos danos causados pela pandemia. O servidor recebendo em dia ou de forma antecipada, como estamos fazendo, pode cumprir com os seus compromissos financeiros. O comércio local é fortalecido e outros profissionais são beneficiados, pois causa um efeito dominó em nossa economia”, explica o prefeito Nélio Aguiar, acrescentando que a valorização do servidor é um dos pilares de sua gestão.
Prefeito Nélio Aguiar garante pagamento antecipado do 13º: economia

Nesta terça-feira, 15, serão injetados mais R$ 7,7 milhões na economia da cidade com o pagamento do restante da folha. “Encerramos o 13º e já vamos nos planejar para o salário do mês de dezembro”, informou o gestor.

40% antecipado em junho - No mês de junho, o prefeito Nélio Aguiar determinou o pagamento da antecipação de 40% do décimo terceiro dos servidores públicos municipais. Os servidores da Educação/Fundeb receberam seus vencimentos entre os dias 23 e 25. Inativos e pensionistas receberam no dia 24 de junho.

Mesmo com a pandemia não medimos esforços com a nossa equipe técnica para manter o equilíbrio financeiro e pagar em dia nossos servidores. Não atrasamos nem parcelamos salários como chegou aconteceu, infelizmente, em algumas cidades.

Alailson Muniz/Ccom/PMS

Nenhum comentário