Header Ads




Ações diretas de prevenção e combate à covid-19 receberam mais de R$ 1,8 milhão da Alcoa

Recurso garantiu suporte às estruturas de saúde e ajuda humanitária à população de Juruti, no oeste do Pará.
Apoio da Alcoa garantiu ampliação do diagnóstico da Covid-19 no oeste do Pará — Foto: Marcos Prado/Divulgação

Diante deste período excepcional em que enfrentamos a pandemia do novo Coronavírus, a Alcoa fortalece o apoio ao município de Juruti, mantendo o alinhamento com um de seus principais Valores: Cuidar das Pessoas. A empresa investiu mais de R$ 1,8 milhão em ações diretas de prevenção e combate à Covid-19. O valor foi destinado à compra de itens médicos, entre os quais: reanimadores pulmonares, camas hospitalares, máscaras, macacões e outros equipamentos de proteção individual, além de kits de testes para identificação da Covid-19, além de ações humanitárias.

Além de itens médicos, a Alcoa apoiou a contratação de médicos intensivistas para atender pacientes graves no período emergencial da pandemia em Juruti.
Todas as ações de prevenção foram e continuam sendo alinhadas com o Comitê Municipal de Enfrentamento ao COVID-19, montado pela Prefeitura Municipal, do qual a empresa participa ativamente com outros órgãos governamentais e entidades.

Ajuda humanitária - distribuição de cestas básicas. Foto-IJUS

Distribuição de cestas básicas
A chegada da pandemia também impactou os empregos da região, principalmente de trabalhadores informais. Diante desse cenário, a empresa doou cerca de 1.623 cestas com itens de alimentação e higiene. A ação, realizada em conjunto com Instituto Juruti Sustentável (IJUS) e a Prefeitura local, garantiu segurança alimentar e cuidados básicos de higiene durante três meses para pessoas cadastradas pela Secretaria Municipal de Assistência de Juruti.
PPA Juruti contra a Covid-19 - oficinas de treinamento para agentes comunitários de saúde. Foto-IJUS

PPA Solidariedade - “Juruti contra a Covid-19”
A Alcoa participa do Projeto Juruti Contra a Covid-19, executado pelo Instituto Juruti Sustentável (IJUS) como iniciativa da PPA Solidariedade. O projeto recebe investimentos da Agência de Desenvolvimento Internacional dos Estados Unidos (USAID) pela NPI Expand, Plataforma Parceiros pela Amazônia (PPA), Cooperativa da Agricultura Familiar de Juruti (Cooafajur) e Alcoa Foundation.
Criada especialmente para desenvolver ações de prevenção e mitigação dos efeitos da Covid-19 no Brasil e na Amazônia, a PPA Solidariedade, em Juruti, inclui medidas de informação, capacitação de agentes comunitários de Saúde, segurança alimentar, equipamentos hospitalares, geração de renda, apoio à retomada da agricultura familiar, entre outras atividades para o enfrentamento dos impactos à saúde e à economia locais.

Laboratório na UFOPA

Em Santarém, a Alcoa apoiou o Laboratório de Biologia Molecular (Labimol) da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) na aquisição dos insumos necessários para diagnóstico molecular da Covid-19. O Labimol é uma iniciativa pioneira na região Norte, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Centro de Governo do Oeste do Pará e Hospital Regional do Baixo Amazonas, e vem garantindo celeridade no diagnóstico da Covid-19. A unidade foi inaugurada no primeiro semestre deste ano e já realizou a testagem de cerca de sete mil pessoas, incluindo amostras vindas de comunidades indígenas, quilombolas e ribeirinhas, que enfrentavam o atraso na confirmação laboratorial de casos suspeitos.


RECURSOS ADICIONAIS

Fortalecimento da economia
Além de cumprir seu papel social dando suporte às ações de saúde pública, a Alcoa também prioriza a rede de negócios locais, comprando bens e serviços diretamente de empresas e fornecedores de Juruti, fortalecendo a economia. Os investimentos de prevenção e combate ao novo Coronavírus movimentou a economia com a compra de quase R$ 2 milhões localmente.
Junto ao mercado fornecedor de Juruti, a Alcoa investiu em aumento da frota de transporte dos trabalhadores, garantindo mais segurança e distanciamento social ao efetivo da planta. Além dos ônibus, foram adquiridos insumos utilizados especificamente para os atendimentos em saúde, como Equipamentos de Proteção Individual, e, também, serviços laboratoriais.
Ampliação do Hospital 9 de Abril. Nova ala com 32 leitos. Foto-Oslan Silva. Alcoa

Prioridade aos investimentos em saúde
Hospital 9 de Abril
Operando uma mina de bauxita há 11 anos em Juruti, a Alcoa vem dedicando atenção especial na estrutura de saúde local, totalizando cerca de R$ 77 milhões em investimentos exclusivamente nesta área ao longo dos anos. O Hospital 9 de Abril, assim como o Hospital Municipal Francisco Rodrigues Barros e unidades de saúde na cidade e na zona rural, foram construídos e equipados pela Companhia por meio da Agenda Positiva – conjunto de iniciativas voluntárias da empresa em benefício da comunidade local.
No último dia 10 de dezembro, o Hospital 9 de Abril, administrado pela Associação Lar São Francisco na Providência de Deus, inaugurou uma nova ala com 32 leitos, elevando as estruturas da unidade hospitalar aos critérios para o atendimento em nível regional.

Barco-Hospital Para Francisco
A Alcoa também apoiou o Barco-Hospital Papa Francisco com a doação no valor de R$ 400 mil durante no auge da pandemia no Pará beneficiando 38 comunidades ribeirinhas. Também administrado pela Associação Franciscana, o barco ofereceu atendimentos em saúde geral e com foco na identificação de sintomas iniciais do novo Coronavírus. O barco-hospital disponibilizou serviços médico ambulatorial e clínico, além de exames laboratoriais, de imagem (mamografia e Raio-X), ultrassonografia, eletrocardiograma, atendimentos odontológicos entre outros.
Fonte: Ascom/Alcoa

Nenhum comentário