Header Ads




Toque de recolher e outras medidas de enfrentamento à Covid-19 entram em vigor em Mojuí dos Campos

O toque de recolher deve ser obedecido no período de 21h às 06h. Haverá fiscalização para cumprimento do decreto.
Reunião do Comitê de Crise de Mojuí dos Campos — Foto: Ascom Prefeitura de Mojuí/Divulgação

Entram em vigor nesta quarta-feira (20) as novas medidas de enfrentamento à Covid-19 no município de Mojuí dos Campos, oeste do Pará. O decreto nº 01/2021 que institui o toque de recolher e restringe o funcionamento de atividades não essenciais conforme deliberação do Comitê de Crise foi publicado hoje no Portal de Transparência da Prefeitura local.

O toque de recolher deve ser obedecido no período de 21h às 06h. Haverá fiscalização para cumprimento do decreto.

Quanto ao horário do comércio, as lojas poderão funcionar de 08h às 16h, de segunda a sábado. Outros estabelecimentos comerciais de atividades não essenciais poderão funcionar de 08h às 16h, de segunda a sábado, e de 08h às 14h aos domingos.

Os restaurantes, lanchonetes, bares e as conveniências ficam autorizados a funcionar somente em modo delivery de segunda-feira a sexta-feira, até às 23h, sendo aos sábados e aos domingos, até às 24h.

O decreto determinou o fechamento das praias e balneários e a criação de uma força tarefa de combate à pandemia.

Também ficam fechados os salões de beleza, barbearias e clínicas de estética; serviços relacionados à prática regular de exercícios físicos como academias de ginástica, musculação, funcionais, pilates e artes marciais, pelo tempo que durar o decreto. E as aulas presenciais da rede pública municipal seguem suspensas.

O estabelecimento que não cumprir ou não fizer cumprir por parte de seus clientes as normas estabelecidas no decreto, será penalizado através de multas que variam entre R$ 294,01 ou em caso de reincidência, multa no valor R$ 588,03.

Fica autorizada a realização de cultos, missas e celebrações religiosas de qualquer natureza, observadas as seguintes normas.

As medidas foram discutidas, votadas e decididas em reunião do Comitê de Gestão de Crise na terça-feira (19). Essas medidas aprovadas pelo Comitê de Crise visam reduzir a aglomeração de pessoas e evitar o contágio de Covid-19. O decreto pode ser prorrogado por mais 30 dias.

Fonte G1 Santarém 

Nenhum comentário