Header Ads




Festa clandestina é interrompida durante fiscalização na madrugada desta quarta-feira em Altamira

No local foram apreendidas 200 pulseiras que seriam vendidas durante a festa denominada ‘Carnaval Pirata Mata’.
Fiscalização foi realizada durante a madrugada desta quarta-feira, 17 — Foto: Reprodução/TV Liberal

Uma festa clandestina foi interrompida pela fiscalização da Polícia Militar e Guarda Municipal realizada na madrugada desta quarta-feira (17) em Altamira, sudoeste do Pará. A fiscalização aconteceu por volta da meia noite em uma chácara localizada a 13 quilômetros do centro da cidade. No local foram apreendidas 200 pulseiras que seriam vendidas durante a festa denominada ‘Carnaval Pirata Mata’. Oito pessoas foram encaminhadas para seccional do município para prestar esclarecimentos.

“Uma pessoa estava com um rádio para avisar a situação caso a polícia chegasse, mas só que ele estava desatento e não conseguiu avisar a tempo, a festa estava com som muito auto”, disse o policial que fez a abordagem.

Segundo a Guarda Municipal e Polícia Militar, durante a abordagem foram apreendidos cinco rádios comunicadores que seriam utilizados pelos organizadores da festa para avisar qualquer tipo de movimentação próximo ao local da festa. Um adolescente foi apreendido e um carro automotivo.

Quatro homens e cinco mulheres foram conduzidos para seccional de Altamira e depois liberados. Eles vão responder por descumprimento ao decreto estadual e a dois decretos municipais o que configura crime contra a saúde pública

Fonte G1 Pará

Nenhum comentário