Header Ads




Mais de 5,1 mil cestas básicas já foram entregues a famílias em situação de vulnerabilidade social

No último sábado, 20, artesãos de Alter do Chão receberam as cestas
Crédito: Agência Santarém 

Quatorze profissionais inscritos na associação de artesãos da vila Balneária de Alter do Chão receberam cestas básicas e kit de limpeza neste sábado, 20. A entrega ocorreu no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Alter do Chão. Desde o início da pandemia de covid-19, a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), está entregando os insumos para famílias em situação de vulnerabilidade social. Já foram entregues 5.141 cestas básicas para mais de 14 segmentos da sociedade civil e para usuários da Assistência Social da região ribeirinha e de planalto.
Crédito: Agência Santarém 

As entregas são feitas às famílias já cadastradas nos Serviços da Assistência Social como nos 8 Centros de Referência em Assistência Social (Cras), Centro de Convivência do Idoso (CCI), Centro de Referência Especializado de Atendimento á Mulher- Maria do Pará e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), famílias do Aluguel Social, do projeto Criança Feliz, indicações da Defesa Civil, Barraqueiros da Praça de Alter do Chão, Catraieiros de Alter do Chão, Artesãos, membros da ATUFA, Associação Ponta de Pedras, membros da ASCAE, famílias da Associação Crianças com Câncer, Lavadores de Carro, associação dos vendedores ambulantes e Músicos.

Nesta segunda-feira, 22, a Prefeitura entrega as cestas aos catraieiros. É a segunda vez que o grupo recebe as cestas e kits.

A secretária dos artesãos de Alter do Chão, Luana Cabral Rosin, agradeceu o apoio que a Prefeitura tem garantido durante este momento de crise. “Somos muito gratos por essa colaboração. Infelizmente, não estamos conseguindo realizar nosso trabalho. Sobrevivemos do movimento da rua e então estamos sentindo os efeitos da pandemia. Agradecemos de coração esse apoio que é sensacional para todos nós”.
Crédito: Agência Santarém 

A secretária municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito esclareceu que a Prefeitura de Santarém por meio da Semtras vem ajudando as pessoas afetadas diretamente pelos efeitos da pandemia com o Benefício Eventual do município que têm custeado a aquisição dos alimentos e produtos de higiene. “Estamos seguindo um cronograma e até em alguns casos fazendo uma busca ativa para encontrarmos esses pais de famílias que tiveram que ficar em casa nesse período, como foi o caso dos vendedores do DER. Não estamos medindo esforços para poder chegar até as famílias que estão em situação de extrema vulnerabilidade social”, reforçou Celsa Brito.

Blogdocarpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário