Header Ads




Projeto ‘Mulher em Ação: Viver Sem Violência, um Bem que se Quer’ é instalado no Cras Maracanã


A Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), realizou nessa quarta-feira (18), através do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Maracanã, a instalação do Projeto Mulher em Ação: Viver Sem Violência, um Bem que se Quer.

“Esse projeto foi elaborado a partir das observações dos atendimentos de mulheres que procuravam uma alternativa a fim de soluções para suas demandas vivenciadas referente ao abandono por seu parceiro. Elas precisavam de um atendimento diferenciado, a partir de agora iremos promover ações de inclusão que assegurem o princípio de igualdade na superação da dependência afetiva e económica em relação ao abandono", observou Rosangela Sousa, coordenadora do Cras Maracanã.

Rosangela informou que na próxima semana será realizada a mesa de escuta para poder identificar a situação vivenciada de cada mulher, e após início do grupo serão realizadas reuniões quinzenais e serão destacados temas importantes e será iniciado com o Setembro Amarelo que é uma campanha da prevenção ao Suicídio.

Devido ainda estar em pandemia cada grupo deverá conter de 15 a 20 mulheres.

A Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito destacou que a realização da implantação na grande área do Maracanã é muito importante, principalmente nesse mês que é dedicado ao enfrentamento da Violência Contra a mulher.
“Esse mês desenvolvemos por meio do Centro Maria do Pará a campanha Agosto Lilás que também conta com apoio da rede de prevenção e proteção a violência Contra a Mulher. Esse é realmente o momento de chamar atenção e orientar as mulheres para o que se fazer ao vivenciar a violência, como pedir ajudar, denunciar, a população como pode ajudar. Sobre os canais de denuncia como o 180 ou procurar a Delegacia da Mulher, o Centro Maria do Pará. E essa implantação nessa grande área será importante, pois esse apoio as violações e acompanhamento realizamos pelo Centro Maria do Pará e vamos trabalhar agora com o Cras fortalecendo essa mulher para que possa se erguer e escrever uma nova história”. Pontuou Celsa.

“Eu achei muito bom e nos abriu a mente para que possamos entender sobre nossos direitos como mulher e a violência Contra a Mulher ela é diária na maioria da vida dessas mulheres que se calam por se sentir incapaz de vencer na vida sem um homem violento ao lado, e muitas vezes ela se submete por não conhecer os direitos que têm. Pra mim foi um abrir a mente, eu estava precisando. Eu agradeço ao Cras Maracanã por nos dar essa oportunidade.” Disse a participante.
O evento contou com a participação de 14 mulheres, a Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social Celsa Brito, a coordenadora do Centro Maria do Pará Poliana Braga, a coordenadora da Proteção Social Básica Marlen.

Portal do Carpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário