Header Ads




Santarém recebe capacitação de saúde para refugiados

O município acolhe os refugiados desde setembro de 2017
A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), através da Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (CAAF), participou durante dois dias de capacitações relacionadas ao acolhimento das crianças migrantes e refugiadas, menores de 5 anos.
Legenda da foto: Unicef capacita equipes da Semtras

A capacitação, ministrada por Perla Corrêa, Enfermeira do instituto Peabiru e representante do Unicef em Belém, e Jaime Valência da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), representando o Ministério da Saúde.

Os cursos trouxeram orientações para a Estratégia de Atenção, integrada as doenças prevalentes na infância e puderam contribuir com o trabalho já desenvolvido pelo município.

Participaram do treinamento, a Secretária de Assistência Social Celsa Brito, a equipe da Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (CAAF), a coordenadora da Proteção Social Especial (PSE) Glaucya Fiori, a coordenadora da CAAF Alayne Alves, a equipe da Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA), enfermeira Erika Fonseca de Sousa e a nutricionista Mayara Moura.
Legenda da foto: Equipe Semtras recebendo a certificação

“O Unicef têm sido parceiro no desafio do acolhimento e atendimento dos refugiados migrantes da Venezuela em sua maioria indígenas da etnia Warao. Recebê-los em nosso município para mais essa capacitação em que, além dos profissionais da Secretaria municipal de Saúde, estiveram participando nossa equipe da CAAF, foi muito importante. Principalmente em se tratando da pauta da saúde, que tem sido um dos primeiros atendimentos à esse público que chega ao município e são acolhidos”, avaliou Celsa Brito.

A secretária lembrou ainda que Santarém conquistou a 4ª certificação do Selo Unicef do quadriênio 2017/2020 e segue em busca da 5ª edição.

Portal do Carpê com informações Agência Santarém

Nenhum comentário