Header Ads




Mais de 10 milhões ainda têm valores de Auxílio Emergencial para receber esta semana. Confira o calendário


Crédito; Reprodução Sociais 

Pelo menos 10,4 milhões de brasileiros ainda não tiveram acesso pleno aos últimos pagamentos do auxílio emergencial, feitos no fim do ano passado. Estão neste grupo os nascidos em agosto, setembro e outubro, e que esta semana poderão sacar em espécie ou fazer transferência bancária do dinheiro originalmente depositado nas contas de Poupança Social Digital.

Os nascidos em agosto já terão o dinheiro liberado amanhã, 18, enquanto quem nasceu em setembro e outubro terá o dinheiro liberado nos dias 20 e 22 de janeiro, respectivamente. Os aniversariantes de novembro e dezembro encerram o calendário de saques e transferências nos dias 25 e 27 deste mês.

Os valores se referem a até duas parcelas, recebidas nos Ciclos 5 e 6, que foram pagos em novembro e dezembro. A data do saque é de acordo com o nascimento dos beneficiários. O valor dos saques é de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães chefes de família) ou de R$ 300 (R$ 600 para mães chefes de família) da extensão do auxílio emergencial.

O saque do auxílio emergencial pode ser feito nas agências da Caixa Econômica Federal (Caixa), das 8h às 12h. A Caixa diz que não é preciso madrugar nas filas à espera de atendimento, que todas as pessoas que comparecerem às agências serão atendidas no mesmo dia. O saque em dinheiro também poderá ser feito em casas lotéricas, caixas eletrônicos ou nos correspondentes Caixa Aqui.

Como fazer o saque em dinheiro?

Para realizar o saque em dinheiro do auxílio emergencial é preciso fazer o login no aplicativo Caixa Tem, selecionar a opção saque sem cartão e gerar o código de saque.

Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular. O código, que tem validade de uma hora, deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da Caixa, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes Caixa Aqui.

Pelo aplicativo Caixa Tem também é possível transferir o dinheiro para outra conta, mas o limite para movimentação é de até R$ 600 por dia.

Confira o calendário de saques e transferências do Auxílio Emergencial - Janeiro de 2021



Prorrogação


O tema sobre uma nova prorrogação do auxílio emergencial segue ganhando apoio por parte de deputados e senadores. Apesar da negativa do presidente Bolsonaro em realizar uma nova prorrogação, os senadores já estão se movimento e inclusive tentando convocar uma sessão extraordinária para que possa ser debatido uma nova prorrogação do auxílio emergencial para 2021.

Muitos deputados e senadores já estão assinando o termo que solicita uma sessão extraordinária do Congresso Nacional como os senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE), Zenaide maia (Pros-RN) e Rodrigo Cunha (PSDB-AL), aos quais já assinaram o requerimento em apoio a sessão extraordinária.

Para eles, o tema sobre a prorrogação do Auxílio Emergencial é inevitável, principalmente no cenário atual onde o número de contágio e morte continua crescendo cada vez mais.

Os senadores e deputados querem que seja retomado o pagamento de R$ 600 (R$ 1.200 para as mulheres chefes de família). Os parlamentares também querem a interrupção do recesso para que a pauta seja colocada em votação e seja aprovado o mais rápido possível.

Porém, caso o governo venha a ceder uma nova prorrogação do benefício, talvez as parcelas possam ter pagamentos menores e limitados a algo semelhante ao pago pelo Bolsa Família atualmente, na faixa dos R$ 193.

Nos resta aguardar essa disputa por parte dos deputados e senadores que defendem uma nova prorrogação junto ao Governo que continua firme na negação de uma nova prorrogação.

Blogdocarpê 

Nenhum comentário