Header Ads




Prefeito Jaime Silva encontra equipamentos abandonados no Hospital Municipal de Óbidos

Aparelhos de ultrassom, Raio-X e até centrífuga que nunca foram usados estavam em meio à sujeira e itens deteriorados em uma sala do hospital.
Prefeito Jaime Silva em visita ao Hospital Municipal de Óbidos, no PA — Foto: Ascom Prefeitura de Óbidos/Divulgação

Equipamentos que poderiam estar sendo usados para diagnóstico de doenças e um melhor atendimento dos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) estavam abandonados em meio a muita sujeira em uma sala do Hospital Municipal conhecido como "24 Horas", em Óbidos, oeste do Pará. O achado foi feito pelo prefeito Jaime Silva (MDB), durante visita à unidade de saúde na quinta-feira (14).

Após ter vistos as condições em que se encontravam os equipamentos, camas, colchões e outros itens, o prefeito declarou que estava chocado com aquela situação, principalmente em um momento que o sistema público de saúde enfrenta sérios problemas devido ao aumento de casos de covid-19, com pacientes necessitando de internação.
Camas e equipamentos ainda embalados estavam misturados a aparelhos já deteriorados — Foto: Ascom Prefeitura de Óbidos/Divulgação

"Eu estou muito chocado com o que eu vi hoje aqui no Hospital Municipal que a gente chama de 24 horas. Impressionante o monte de equipamentos e de sujeira. É uma pena, porque com aqueles equipamentos, eu tenho certeza que o hospital teria salvo muitas vidas. Mas infelizmente, o descaso e a irresponsabilidade de alguns administradores deixaram com que muitos desses equipamentos nem prestassem mais. Eu estou falando de ultrassom, estou falando de Raio-X, estou falando de centrífuga, de uma série de equipamentos que os deputados conseguiram com emendas aqui para esse hospital", disse Jaime.
Equipamentos, camas e colchões que estavam abandonados foram retirados do Hospital Municipal para limpeza do local — Foto: Ascom Prefeitura de Óbidos/Divulgação

Antes de encerrar a visita ao hospital, o prefeito determinou à Secretaria Municipal de Saúde de Óbidos, que administra o Hospital Municipal, que providenciasse a retirada dos equipamentos, camas, colchões, cadeiras de rodas e outros itens, para a total limpeza e desinfecção da sala onde estavam abandonados.

"Estamos agora fazendo uma limpeza no local e retirando os equipamentos. Depois vamos fazer uma seleção deles pra ver o que presta e o que não presta, para desocupar duas salas e a gente possa abrir mais 20 leitos para aqueles doentes que estão com covid-19, para que eles possam ter melhor tratamento", assegurou Jaime Silva.

Fonte G1 Santarém 

Nenhum comentário