Header Ads




Prefeitura já entregou 4.766 cestas de alimentos nesta pandemia. Mais de 10 segmentos foram beneficiados

Crédito: Agência Santarém 

A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social, já entregou 4.766 cestas de alimentos para famílias em situação de vulnerabilidade social e mais 12 segmentos da sociedade civil, atingidos diretamente pelos efeitos da pandemia do novo coronavírus. A entrega de mais cestas de alimentos continua sendo realizada com a ajuda de parceiros.

As entregas são feitas às famílias já cadastradas em nossos 8 Centros de Referência em Assistência Social (Cras), que não paralisaram suas atividades durante a pandemia. Mas tudo dentro dos protocolos de segurança.

“Os Cras já têm o público alvo que são as famílias em situação de vulnerabilidade social, prejudicadas mais ainda durante esta pandemia. As entregas são feitas diretamente às famílias seguindo protocolos de segurança e evitando aglomerações”, explica Celsa Brito, titular da Semtras.
Crédito: Agência Santarém 

A secretária lembra ainda que a Assistência Social tem sido alvo de muitos ‘fake news’ e pede conscientização da população. “Muitos fake news circulam nas redes sociais, prejudicando nosso trabalho e colocando a vida da população em risco. Pedimos que não façam isso. Que sejam humanos e não aproveitem a situação para colocar a vida das pessoas em risco”, argumenta a secretária.

Além do segmento das famílias atendidas pelos Cras, outros segmentos foram e estão sendo atendidos pela distribuição das cestas de alimentos: Centro de Convivência do Idoso, famílias do Aluguel Social, do projeto Criança Feliz, indicações da Defesa Civil, Barraqueiros da Praça de Alter do Chão, Catraieiros de Alter do Chão, Artesãos, membros da ATUFA, Associação Ponta de Pedras, membros da ASCae, famílias da Associação Crianças com Câncer e Lavadores de Carro.

A Equatorial Energia, Mineração Rio do Norte, Ministério Público do Trabalho, Empresa Buriti, o COMDCA, Cargill e o Projeto Saúde e Alegria são parceiros na arrecadação e distribuição de cestas de alimentos.

“São parceiros aos quais agradecemos muito em nome de todas as famílias beneficiadas”, lembra Celsa Brito.

Solicitação de Cestas de alimentos

Para estender o benefício e aumentar o número de famílias e segmentos beneficiados, o prefeito Nélio Aguiar solicitou ao Ministério da Cidadania cestas de alimentação para atender mais famílias.

“Sabemos que os efeitos sociais desta pandemia são gigantescos, principalmente sobre essas famílias e segmentos em situação de vulnerabilidade. Então, estamos pedindo ajuda ao Ministério da Cidadania para atender mais e mais famílias”, justificou Nélio Aguiar.

Blogdocarpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário