Header Ads




Mercado das Flores é opção para compras de presentes em homenagem ao Dia Internacional da Mulher


Créditos: Ascom 

Nos dias que antecedem o Dia Internacional da Mulher, comemorado na segunda-feira (8), o movimento no comércio é intenso. Para oferecer uma opção diferenciada de presente, o Mercado das Flores, localizado no complexo do Mercado da Prainha é opção de compras para quem gosta de presentear a mulher com a beleza da natureza. Disponibilizando estrutura de segurança e seguindo todas as orientações do protocolo de combate à covid-19, o local reúne plantas ornamentais e flores, como: orquídeas, bonsais, suculentas, cactáceas, frutíferas e roseiras para o cultivo residencial e em jardins. O espaço funciona das 9h às 17h de segunda a sábado e nos domingos e feriados das 7h às 12h.
O Mercado é o principal ponto de venda de plantas em Santarém. O Espaço Municipal foi cedido por 15 anos para a Associação Flores do Tapajós. Atualmente a associação reúne 30 produtores que se dedicam ao cultivo de plantas e flores em Santarém, além de incentivar o fortalecimento da floricultura na região tornando-a mais forte.

José Odenilson Alves, coordenador do Mercado, destaca a importância do local para renda dos produtores, principalmente, neste momento de pandemia. "Quem ainda não escolheu o presente do dia Internacional da Mulher pode vim visitar o espaço para conferir as novidades. A feira reúne toda a cadeia produtiva do setor de flores, decoração e plantas ornamentais, com muitas novidades, ofertas e atrações para o público visitante. A nossa proposta é promover o encontro de produtores que expõem e comercializam plantas ornamentais para fortalecer a atividade e viabilizar linhas de créditos para custeio e investimentos", disse.

Atualmente, a associação adotou o sistema de rodízio entre associados na ocupação do respectivo espaço público, como forma de minimizar a possibilidade proliferação da covid-19 e evitar a aglomeração de pessoas.

Quem for ao local poderá acompanhar as últimas novidades na área da floricultura. São várias as opções que os clientes encontram, porém, as rosas são as que mais chamam atenção. O Mercado é o principal ponto de venda de plantas em Santarém. Agrega mais de 5 mil espécies ornamentais, frutíferas, arbóreas e medicinais, sendo abastecido três vezes por semana com novas variedades.

Maria das Dores, 52 anos, moradora do Bairro Ipanema é produtora há quinze anos. Após um período de projeções abaixo das expectativas por causa do coronavírus, segundo ela o setor aposta nesta data comemorativa como a retomada para os negócios. "Nesse período realizamos a venda principalmente de flores, orquídeas, rosas e antúrios. Junto com o Dia das Mães, é o período que mais movimenta a venda de flores e plantas ornamentais. Enquanto produtora, queremos que a floricultura cresça, se desenvolva, traga renda e emprego para todos', contou.

De acordo com o secretário Municipal de Agricultura e Pesca, Bruno Costa, a feira é importante para os floricultores de Santarém. Isso porque, além de valorizar os produtos, dá oportunidade de comercialização. "É o principal evento do segmento em Santarém, os números comprovam a expansão do setor na região, que vem se destacando no cenário por concentrar uma floricultura rica e diversificada, que inclui produtos de várias espécies. Com isso, contribui para a renda dos floricultores", disse Costa.

Fonte Blogdocarpê com informações Agência Santarém 

Nenhum comentário