Header Ads




Governo Federal libera mais de R$ 900 mil para duas obras de sistemas de água em Santarém

Liberação foi feita pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) para obras nos bairros Nova República e Livramento.
Governo Federal libera mais de R$ 900 mil para duas obras de sistemas de água em Santarém — Foto: Agência Santarém/Divulgação

Foi liberado pelo Governo Federal o recurso de R$ 907,8 mil para obras de saneamento em Santarém, no oeste do estado. O recurso é do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) como parte da autorização de pagamentos que somam R$ 3,9 milhões para a continuidade de obras e realização de estudos e projetos de saneamento básico no Pará.

De acordo com o Governo Federal, serão continuadas as obras de ampliação do sistema de abastecimento de água nos bairros Nova República e Livramento.

No sistema, a reforma inclui implantação de áreas em alvenaria, instalação de cerca, revitalização do prédio administrativo e urbanização da área interna. Também estão previstas aberturas de mais poços.

No bairro Livramento, estão sendo feitos um novo reservatório, a revitalização interna do reservatório existente, instalação da parte elétrica e a perfuração outros poços. Já no bairro Nova República, foram feitas as estruturas de base dos reservatórios, casa de química e casa de cloração. Quando concluído, o sistema deve beneficiar os bairros Matinha, Floresta, Cambuquira, Nova República, Vitória Régia, Santo André e parte do Urumari.

“O investimento em saneamento básico é fundamental para garantir dignidade e melhores condições de vida para milhares de famílias brasileiras. Além disso, o governo federal tem o compromisso de não deixar obras paralisadas e de terminar empreendimentos em andamento. Assim, demonstramos todo o respeito ao dinheiro pago pelo contribuinte”, destacou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Outros repasses ao Pará

A maior parte do repasse, de R$ 2,04 milhões, será destinada à elaboração de dois projetos de engenharia em Parauapebas – para a implantação do sistema de abastecimento de água e do sistema de esgotamento sanitário.

Na capital Belém, estudos e projetos de engenharia para esgotamento sanitário da segunda etapa da estação de tratamento Una vão receber R$ 827,1 mil. Já em Ananindeua, R$ 123,3 mil serão destinados à produção de estudos e projetos de abastecimento de água.

Fonte G1 Santarém 

Nenhum comentário