Header Ads




Contas de energia vão ficar mais caras em junho com bandeira vermelha 2, decide Aneel


Crédito: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Nesta sexta-feira, 28, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que no mês de junho, passará a vigorar no país o patamar 2 da bandeira tarifária, ou seja, o mais caro do sistema.

Com isso, será cobrado nas contas de energia dos consumidores brasileiros um valor adicional de R$ 6,24 para cada 100 kWh de energia consumidos.

Essa é a primeira vez no ano que a agência aciona a bandeira vermelha nível 2. Em maio, por exemplo, vigorou a bandeira vermelha 1, que aplica cobrança adicional de R$ 4,16 para cada 100 kWh consumidos.

Reservatórios baixos

Segundo a Aneel, essa medida é reflexo do baixo nível de armazenamento de água nos reservatórios de hidrelétricas do Sudeste e Centro-Oeste, que são responsáveis por mais da metade da capacidade de geração do país. Segundo o governo, o último período de chuvas intensas em ambas as regiões, de novembro de 2020 a abril de 2021, foi o mais seco em 91 anos.

Com informações do G1

Nenhum comentário