Header Ads




Oposição se cala diante de prisão arbitrária de opositores de Helder


Crédito: Divulgação/Jailson Sam / Agência Pará

Três homens foram presos pela Polícia Civil, no município de Tucuruí, após serem acusados de planejarem ato contra o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB). A prisão dos manifestantes foram classificadas pela defesa dos acusados como "constrangimento ilegal" e "cerceamento de direito constitucional de livre manifestação". A Ordem dos Advogados do Pará (OAB/PA) reagiu às prisões e decidiu acionar a comissão de direito constitucional.

Apesar da repercussão do caso, a grande maioria dos deputados estaduais do Pará permanecem sem se manifestar sobre o caso. Até o momento, o único a se posicionar sobre a prisão dos manifestante - para evitar que o governador Barbalho fosse alvo de críticas e atos contra seu mandato - foi o deputado Delegado Caveira (PP), que classificou a prisão do trio como “a segunda fase da ditadura’’.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais o parlamentar disse ainda que “a única pessoa que deveria estar presa, de todas essa que nós falamos, é o governador Helder Barbalho, genocida que superfaturou medicamento’’, disparou Caveira. assista:

A reportagem entrou em contato com os deputados Thiago Araújo (Cidadania), Dilvanda Faro (PT) e Marinor Brito (Psol), esses dois últimos partidos tradicionalmente de esquerda que costumavam se opor ao MDB. Já Araújo, chegou a se posicionar oficialmente como oposição ao governo em outras situações. Até o momento, no entanto, não obtivemos resposta.

A prisão

Simião Nogueira De Moraes, Josicleison Do Nascimento Silva e Herlen Ulisses Batista Garcia foram presos na manhã da última quinta-feira, 20, pelo crime de associação criminosa, em Tucuruí, no sudeste do Pará. A Polícia Civil cumpriu os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Tucuruí.

O trio é suspeito de divulgar em redes sociais mensagens de atos criminosos contra autoridades políticas e organizar atos de vandalismo durante a presença do governador do Pará, Helder Barbalho, que está em visita à cidade.

O governador Barbalho esteve na cidade para inaugurar o novo prédio do Comando de Policiamento Regional IV (CPRI), na Vila Permanente.

Fonte Roma News 

Nenhum comentário