Header Ads




Suspeito de escoltar e enviar garimpeiros ilegais para terra indígena no Pará é preso em Jacareacanga

Crédito: PF

Foi preso, nesta quinta, 13, pela Polícia Federal (PF) em Jacareacanga, sudoeste do Pará, Gilson Spier, conhecido como “Polaquinho”. Ele é suspeito de envolvimento em esquema de escolta para um garimpo ilegal no município.

A ação, segundo as investigações, providenciava o envio de máquinas e homens para dentro de Terra Indígenas Munduruku. Um helicóptero, que pertencia ao investigado, foi apreendido.

Os equipamentos eram usados para instalação ou ampliação de garimpos ilegais na área protegida. Gilson, que tinha prisão temporária decretada pela Justiça, estava foragido desde o dia 21 de abril, quando foi realizada operação que apreendeu carros de luxo e documentos.

A PF informou que a prisão ocorreu entre a noite de quarta e a manhã desta quinta, quando foi descoberta a localização do foragido e repassada à Polícia Civil local, que colaborou no cumprimento do mandado de prisão.

O preso foi apresentado no Posto da PF em Itaituba e, em seguida, conduzido ao Centro de Recuperação Regional de Itaituba (CRRI), onde deve permanecer sob custódia. Jacareacanga fica a 1.700 km de Belém.

Fonte Roma News 

Nenhum comentário