Header Ads




Após reagir à abordagem policial, 'Gato preto' é baleado e morre na comunidade Santa Rosa

Veículo onde ele estava foi interceptado por policiais militares da 1ª Cipamb. Ele ainda chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.
'Gato Preto' reagiu a abordagem policial e morreu após troca de tiros — Foto: Reprodução/Redes sociais


Durante rondas realizadas na região da PA-370 (Santarém-Curuá-Una), nas proximidades da comunidade Santa Rosa, em Santarém, no oeste do Pará, na noite desta quarta-feira (4), um veículo com movimentação suspeita foi abordado por policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policiamento Ambiental (1ª CipAmb).


Dentro do carro havia três pessoas, sendo que uma delas reagiu à abordagem policial e disparou tiros contra a guarnição. De acordo com a polícia, após a troca de tiros, o homem foi socorrido e levado para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos.
Drogas e arma de fogo foram apresentadas na delegacia de Polícia Civil — Foto: 1ª Cipamb/Divulgação

O homem, identificado como Luís Sousa da Silva, de 42 anos, era conhecido como "Gato Preto" e possuía diversas passagens pela Polícia pelo crime de tráfico de drogas. As duas outras pessoas, Rosiene Vasconcelos Teixeira (esposa) e Antônio Aureci Lima de Moura, que estavam no interior do veículo foram apresentadas na 16ª Seccional de Polícia Civil.

Ao G1, o delegado de plantão, Herbert Farias, contou que o homem e a mulher que estavam no veículo foram autuados e devem responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

No carro, os policiais ainda encontraram uma quantidade de entorpecentes, cigarros e dinheiro. A arma de fogo e os demais objetos foram apresentados na delegacia.

Fonte G1 Santarém 

Nenhum comentário