Header Ads




DJ Ivis vira réu na Justiça por agressões contra a ex-esposa


Crédito: Reprodução/Metrópoles

O Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) divulgou nesta segunda-feira, 16, que o músico Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, virou réu pelas agressões cometidas contra sua ex-esposa, Pamella Holanda. O produtor musical foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará no fim de julho e teve a denúncia do Ministério Público cearense contra ele aceita pela Justiça.

No último sábado, 14, o compositor completou um mês detido em decorrência das agressões cometidas. Os crimes foram registrados em vídeo e denunciados pela ex-mulher do DJ, no início de julho. Ele segue preso em uma área de triagem no presídio Irmã Imelda Lima Pontes, na Região Metropolitana de Fortaleza. O processo tramita em segredo de Justiça na Vara Única Criminal de Eusébio e, segundo o TJCE, “mais informações não podem ser repassadas por conta do sigilo do processo”.

No fim do mês de julho, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes rejeitou um pedido de habeas corpus impetrado pela defesa do cantor. Antes, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e o Tribunal de Justiça do Ceará já haviam negado o pedido.

Com informações do Pleno News

Um comentário:

  1. Sou contra violência;mas o Dj Ivis é um excelente artista

    ResponderExcluir