Header Ads




HCS recupera mais 600 pacientes em quase seis meses de funcionamento

Colaboradores do Hospital de Campanha de Santarém (HCS) se posicionaram no “corredor da vida’ para receber os pacientes com alta médica
As altas de segunda-feira, 16 de agosto, foram comemoradas pela equipe com o tema “Super-heróis”

Usando um capote com a pintura de super-heróis estampado no equipamento de Proteção Individual (EPI), alguns colaboradores do Hospital de Campanha de Santarém (HCS) se posicionaram no “corredor da vida’ para receber os pacientes com alta médica. O motivo da alta temática foi para celebrar a alta 600, que para os profissionais é motivo de muita alegria. Ao som contagiante da música ‘se joga no passinho” de Brisa Star, as pacientes, Francisca Gleiciane Nobre, 33 anos, do município de Placas e a Joice de Almeida Peixoto, 34, do município de Santarém, que juntas somaram 601 altas na Unidade, participaram desse momento especial.

As pacientes criaram laços de amizade durante a internação, ambas chegaram na Unidade no mesmo dia, dividindo a ambulância, e ficaram internadas por dez dias em leitos vizinhos.

As duas afirmam ter encontrado força uma na outra para superar esse momento de distanciamento da família. “Quando ela estava triste eu dava uma força e ela retribuía quando eu estava para baixo. Apesar de ser um Hospital, tivemos alguns momentos divertidos, vou lembrar com carinho de toda a equipe e de outras amizades que fiz aqui’, disse Joice.

As amigas trocaram números de telefones com a promessa de não perder contato e já fazem planos para o futuro. "Assim que a situação da pandemia melhorar, queremos nos reencontrar, vou fazer uma visita na casa dela, lá em Placas, para colocar as conversas em dia e conhecer a família dela. Ela se tornou alguém muito especial para mim”, enfatizou.

A direção da Unidade ofertou um bolo para os profissionais plantonistas em comemoração e agradecimento por todo empenho da equipe. Para o gestor administrativo do HCS, Marcelo Henrique, a sensação é de dever cumprido. “Não são números, são mais de 600 pessoas que retornaram para as famílias recuperadas da COVID-19. A sensação é de dever cumprido. Só gratidão por todo o foco da ‘família Campanha’ que trabalha conduzida pelo amor por salvar vidas”, disse.

Os capotes personalizados que foram usados durante a alta médica foram pintados pelo artista plástico e colaborador do HCS, Lucenildo Oliveira, que mais uma vez encantou pacientes e colaboradores com seu dom artístico.

Atendimento humanizado

Com quase seis meses de funcionamento, o HCS oferece atendimento clínico, nutricional, psicológico, de assistência social e fisioterapia. O acolhimento aos pacientes tem uma retaguarda de projetos que buscam humanizar cada vez o trato dos internados.

Entre eles, a “visita online”, que permite contato por chamada de vídeo entre pacientes com quadro clínico estável e familiares.

Outro exemplo positivo é a “Cabine do Amor”, ao qual oportuniza um abraço carinhoso entre quem está internado e uma pessoa da família.

Outra ação importante, é o “Pacientes em Movimento”, que está dentro do planejamento de atividades que ajudam no tratamento. Ele é comandado pela equipe de fisioterapia e psicologia, onde de maneira lúdica faz com que os participantes façam movimentos no corpo.

O HCS é fruto de parceria entre governo do Estado e prefeitura de Santarém e é gerido pelo Instituto Social Mais Saúde.

Fonte Ascom HCS

Nenhum comentário