Header Ads




Pará acumula maior desmatamento da Amazônia legal em 2021


Garimpo ilegal no Pará - Crédito: Divulgação/ Polícia Federal

Um monitoramento feito pela plataforma Terra Brasilis, ferramenta desenvolvida pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), apontou que de janeiro até julho deste ano, a Amazônia Legal acumulou o maior desmatamento da história nos últimos 5 anos. O Pará foi o estado do conjunto que mais desmatou.

A plataforma monitora o desmatamento na região da Amazônia desde 2015, sendo que os dados do primeiro semestre começaram a ser computados apenas em 2016. No monitoramento do primeiro semestre deste ano, a Amazônia Legal sofreu desmatamento de 5.026,52 km². Em 2020, o registrado foi de 4.739,92 km², o que significa um crescimento de 6% em um ano.

Com os 5.026,52 km² desmatados apenas até julho deste ano, 2021 já superou o total registrado ao longo do ano completo de 2017 (3.551,3 km²).

Desmatamento por estados da Amazônia Legal

De acordo com a plataforma, a situação mais preocupante de desmatamento foi registrada no Pará. Em 2021, o maior desmatamento na região da Amazônia Legal foi no estado, com 1.886,59 km² de área desmatada.

Em relação aos outros estados que compõem a região da Amazônia Legal, o Amazonas é o segundo com o maior desmatamento registrado neste ano: 1.237 km².

Em seguida, está o Mato Grosso, com 841 km², seguido por Rondônia, que contabilizou 689 km² de área desmatada.

Fonte: CNN.

Nenhum comentário