Header Ads




Ciúme foi a motivação para homem matar companheira em Itaituba, diz polícia

Crime aconteceu na última sexta-feira (24), quando o corpo da vítima foi encontrado boiando às margens do Rio Tapajós. O homem encontra-se preso e responderá pelo crime de feminicídio.
Foto: Reprodução

O delegado Rafael Oliveira, titular da 19ª Seccional Urbana da Policia Civil de Itaituba, afirmou que a razão de Joseane da Silva Lima, de 22 anos, ter sido morta pelo próprio companheiro de 38 anos, na última sexta-feira (24), foi o ciúme. As informações são do Blog do Junior Ribeiro.

O homem, identificado como Francisco Bento da Conceição, vulgo “Primo”, foi preso em flagrante horas após ter cometido o crime. Em seu depoimento à polícia, ele afirmou que matou a companheira por suspeitar que estava sendo traído. O homem revelou que levou Joseane às margens da Praia do Sapo, onde bateu com uma pedra na cabeça da vítima, que ficou desorientada e, com o joelho, empurrou a cabeça da mesma na água, afogando-lhe até a morte.

Francisco disse, ainda, que não estuprou a companheira, apenas que pegou em suas partes íntimas para saber se ela tinha lhe traído durante a noite, depois jogou o corpo no rio e foi embora. Na manhã de sexta ele foi na delegacia comunicar a morte da companheira, e durante a noite foi preso. Ele se encontra à disposição da justiça, onde responderá pelo crime de Feminicídio.

O Crime

O corpo de Joseane foi encontrado na manhã de sexta-feira (24) às margens do Rio Tapajós, próximo a Praia do Sapo, e segundo informações, a vítima era natural da cidade de Rurópolis (PA). O corpo foi retirado da água com um sangramento na altura da cabeça. Próximo ao local onde o corpo se encontrava, estava uma bicicleta de cor verde e um par de sandália de cor azul.

Fonte: Portal Giro, com informações do Junior Ribeiro

Nenhum comentário