Header Ads




Aumento de mais de 7% no preço do gás de cozinha e gasolina já está em vigor no Pará


Crédito: Reprodução

A Petrobras anunciou na tarde de ontem, 8, novos aumentos nos preços da gasolina e do gás de cozinha na Refinaria. De acordo com a empresa, o aumento autorizado foi de cerca de 7,2% em todo o Brasil. Estas novas alterações já estão em vigor no Pará a partir deste sábado, 9.

Gasolina

Conforme as analises feitas pelo Dieese no Pará, com este novo reajuste de 7,2% no preço do litro da gasolina, somente este ano (Jan-Set/2021), o produto apresenta uma alta acumulada em torno de 61%.

Ainda de acordo com o Dieese-Pa, no caso da gasolina, esta foi a 14ª alteração no preço do produto, somente neste ano de 2021.

O balanço efetuado pelo Dieese, com base em dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostra que em média o preço do litro da gasolina foi comercializado em Belém, capital do estado, nos postos de combustíveis na semana passada, em média a R$ 6,052 com o menor preço a R$ 5,780 e o maior a R$ 6,199.

Gás de Cozinha

Quanto ao gás de cozinha, segundo informações levantadas pelo Dieese, esta é a sétima alteração no preço do botijão de gás de 13kg anunciada em 2021.

Conforme o balanço efetuado pelo Dieese, com base em dados da ANP, em média o preço do botijão de 13kg foi comercializado em Belém, nos postos de vendas, na semana passada em média a R$ 104,52 com o menor preço a R$ 98,00 e o maior a R$ 115. Segundo um levantamento do Dieese, o preço do botijão comercializado no Pará, continua entre os mais caros do país e varia de preço entre as várias regiões do estado, alcançando em algumas, valores bem superiores a R$ 130 por botijão.

A tendência para o mês de outubro é de alta no preço do botijão de gás de cozinha de 13kg ao consumidor final, em função do novo aumento de 7,2% no preço do produto ontem e que já está em vigor no estado.

Nenhum comentário