Header Ads




Justiça condena a 51 anos de reclusão assaltante que atirou em frentista em abril de 2021

Rafael Santos, o 'Fiel', deve responder por quatro crimes. A vítima, Bryan Sousa, continua o tratamento, mas está, atualmente, em uma cadeira de rodas.
Momento da prisão dos suspeitos de assaltos em postos de combustíveis em Santarém — Foto: Reprodução/Redes sociais

A justiça condenou a 51 anos e oito meses de reclusão em regime fechado o assaltante que atirou contra um frentista durante ação criminosa ocorrida em um posto de combustíveis no bairro Aeroporto Velho, em Santarém, no oeste do Pará. O crime aconteceu na noite de 21 de abril deste ano.

Rafael da Silva Santos, conhecido como "Fiel", responderá a quatro crimes: roubo majorado, latrocínio, corrupção de menores e crime tentado.

De acordo com as investigações, Rafael roubou uma motocicleta na tarde de 21 de abril, acompanhado de um adolescente, já à noite, os dois cometeram três assaltos em pontos diferentes do município.

Por volta das 22h, a dupla praticou assalto no posto de combustível localizado no cruzamento da avenida Jasmim com Anísio Chaves. Durante a ação, o frentista Bryan Roberto de Sousa, de 21 anos, foi atingido por um tiro. Atualmente, Bryan está em uma cadeira de rodas.

O assalto foi flagrado por câmeras de segurança do estabelecimento (assista o vídeo abaixo).
Os casos foram registrados na 16ª Seccional de Polícia Civil e os assaltantes foram reconhecidos pelas vítimas. A dupla foi presa em trabalho conjunto do Reservado do 35ª Batalhão de Polícia Militar (BPM), Comando de Policiamento Regional (CPR-I) e Polícia Civil no dia 22 de abril no bairro Nova República.

Frentista atingido por tiro

Durante uma das abordagens criminosas em um posto de combustível, o frentista Bryan Roberto de Sousa, de 21 anos, se assustou e correu. Momento em que um dos assaltantes atirou. O tiro atingiu as costas do jovem, e a bala ficou alojada na coluna.

A vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo, onde passou por cirurgia e ficou seis dias internado.

Fonte G1 Santarém 

Nenhum comentário