Header Ads




Preço da farinha consumida pelos paraenses continua caro


Crédito: Reprodução/Mácio Ferreira/Agência Pará

Um estudo realizado pelo Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) constatou que o preço do quilo da farinha de mandioca consumida pelos paraenses continua caro.

De acordo com a pesquisa, a alimentação dos paraenses continua entre as mais caras do país, sendo que em janeiro deste ano, o quilo da farinha era comercializado por R$ 6,98 e no mês de setembro a R$ 7,19, um acréscimo de 0,28% em relação a agosto de 2021.

Nos primeiros nove meses desse ano, o preço da farinha acumulou alta de 3,30%.

Com informações do Dieese.

Nenhum comentário